TRATAMENTOS FACIAIS – TRATAMENTO PARA RUGAS

TRATAMENTOS FACIAIS – TRATAMENTO PARA RUGAS

Informações sobre Tratamento para Rugas
Tratamento para Rugas
Tratamento para Rugas
As rugas são vincos que que inevitavelmente surgem na pele devido o envelhecimento cutâneo, a pele perde elasticidade e tonicidade. Esse processo é fisiológico, irreversível e evolutivo.
Existem dois tipos de rugas: as rugas de expressão e rugas estéticas.
As rugas de expressão aparecem ao redor dos olhos (pés de galinha), testa e lábios, e são decorrentes da movimentação dos músculos faciais.
As rugas estéticas aparecem em partes imóveis do rosto, provocadas apenas pelo envelhecimento cutâneo.

Como surgem?
Os fatores que contribuem para o surgimento das rugas são:
– O processo natural de envelhecimento da pele
– A exposição exagerada ao sol sem o uso correto do protetor solar
– Alterações hormonais
– Tabagismo
– Consumo de bebidas alcoólicas em excesso
– Má nutrição
– Genética

Saiba mais: Proteína asiática o que é

Procedimentos utilizados para o tratamento
– Aplicação de Toxina Botulínica, conhecido como Botox
– Preenchimento
– Radiofrequencia
– Peeling Químico
– Mesoterapia
– Carboxterapia

Quantidade de Sessões
Irá variar de acordo com o procedimento adotado para o tratamento das rugas.

Resultado
Varia de 3 dias à semanas dependendo do procedimento

7 dicas para acabar de vez com os pés ressecados

7 dicas para acabar de vez com os pés ressecados

Nos preocupamos muito em manter nosso corpo e rosto sempre muito bem hidratados, cabelos e sobrancelhas impecáveis, depilação sempre em dia. Porém, parece que esquecemos de uma área que também merece receber atenção: nossos pés. Você sabia que eles são umas das partes do nosso corpo mais propensas ao ressecamento? Isso, além de um problema estético, faz com que a pele seca não proteja os membros como deveria, o que pode gerar fissuras ou rachaduras causando dor e grande incomodo.

A ingestão de pouca água, excesso de peso, banho quente, muito tempo em pé, disfunções hormonais, calçados apertados e outros diversos fatores podem contribuir para este problema. Quer saber como acabar ou evitar de vez o ressecamento? Segue algumas dicas:

1. Esfolie semanalmente
Uma vez por semana, de preferência durante o banho, esfolie os pés com uma lixa ou bucha vegetal de forma suave, sem agredi-los. Utilizar algum creme esfoliante também é uma boa opção. A esfoliação serve para eliminar a pele morta que forma uma camada grossa e escura na pele retirando manchas, aspereza e rachaduras. Esse processo também auxilia a estimular a circulação sanguínea e evitar o acúmulo de bactérias e fungos que acabam causando mau cheiro na superfície dos pés.

Leia também: pé ressecado creme

2. Hidrate diariamente
A hidratação diária é fundamental para deixar a região dos pés macia e saudável. De preferência antes de dormir, aplique cremes massageando em movimentos circulares os membros. Durante o sono seus pés estarão de repouso e terá horas suficientes para o produto agir na pele. Faça desse processo um hábito, que dura pouco tempo e traz melhores resultados.

3. Durma com meias de algodão
Depois de deixar os pés bem hidratados, uma boa dica para potencializar os efeitos do creme é dormir com meias de algodão. Isso porque sua pele irá absorver melhor o produto, deixando a região mais macia.

4. Não ande descalço
Parece que aquela boa dica de vó para evitar resfriados, também vale para evitar o ressecamento. A falta do calçado faz com que os pés tenham atrito direto com o chão e, desta forma a pele reage para proteger a derme, deixando a superfície mais áspera e ressecada. Mantenha-se sempre calçado!

5. Evite banhos muito quentes
No outono e inverno costumamos abusar da água quente na hora do banho, no entanto isso pode contribuir para o problema em questão. Isso porque a temperatura da água acima de 35º causa a remoção da camada de gordura da epiderme e o ressecamento começa a surgir.

6. Beba bastante água
Essa é uma dica básica. A hidratação de nosso corpo acontece de dentro pra fora. Especialistas recomendam a ingestão de 2 litros de águas por dia, seis a oito copos, para maior maciez da pele e isso também vale para os nossos pés, além de muitos outros benefícios para o nosso organismo.

7. Tenha cuidados com seu peso e alimentação
O excesso de peso contribui para fissuras, pois aumenta a pressão sobre as solas dos pés. Uma boa dica é diminuir o sal na comida para evitar a retenção de líquido e possíveis inchaços em nosso corpo. Uma dieta balanceada também é válida.

Porém na gravidez, o ganho de alguns quilinhos a mais é inevitável. Neste caso, esse problema pode ser evitado também com muita esfoliação e uso de hidratantes. Vale ressaltar que produtos com alta concentração de ureia não devem ser utilizados nessas condições pois pode ser prejudicial ao bebê. Cremes com lactato de amônio também são escolhas descartáveis. O ideal é optar por hidratantes neutros, que não sejam tão agressivos.

Vale ressaltar que no caso da persistência de um ressecamento, o indicado é fazer uma visita ao dermatologista.

Como ter uma pele saudável e bonita

Como ter uma pele saudável e bonita

Mesmo que muitos homens não pensem muito nisso, a pele é algo que requer atenção, tanto por questões estéticas, quanto de saúde. Por isso, é necessário desenvolver uma rotina de cuidados com a pele que atenda às suas necessidades, geralmente passando por três eixos: limpeza, hidratação e proteção adequada. Confira abaixo essa rotina prática de cuidados e saiba como cuidar melhor de sua pele!

LIMPEZA DA PELE DEVE SER FEITA DE MANHÃ E ANTES DE DORMIR
O primeiro passo para ter uma rotina prática de cuidados com a pele é a limpeza. Ela consiste na remoção de todas as impurezas da pele, como bactérias, partículas de poluição e até o excesso de óleos naturais, que se acumulam ao longo do dia e que podem entupir os poros. Uma dica bônus é investir em lenços umedecidos, destinados a limpar o rosto. Assim, sempre que você estiver no trabalho ou, ainda, chegando em casa após um dia ou noite intensos, os lenços farão o trabalho de remover as impurezas da pele, sem muito esforço.

A HIDRATAÇÃO DEVOLVE OS ÓLEOS NATURAIS PERDIDOS NA LIMPEZA DA PELE
A importância da hidratação é enorme na rotina de cuidados com a pele. Isso porque os óleos naturais são perdidos na limpeza da pele e, assim, a hidratação adequada é capaz de impedir o ressecamento, mas também não a deixando com um aspecto gorduroso. Uma dica é que você escolha um hidrante cremoso, se tiver a pele seca, e um oil-free, se sua pele for oleosa. Ainda, se quiser, escolha um hidratante com proteção solar para agilizar ainda mais sua rotina.

Leia também: Pele saudável

PROTEÇÃO SOLAR PREVINE A PELE DO ENVELHECIMENTO PRECOCE
Se você não quer ter uma pele envelhecida antes da hora, com rugas, manchas e demais problemas (até mesmo alguns muito sérios, como o câncer), utilize protetor solar todos os dias. O protetor solar impede a penetração dos raios ultravioletas do tipo A e B na pele, que causam queimaduras, manchas e mutações perigosas nas células da pele.

Por isso, lembre-se sempre de usar protetor solar pela manhã, mesmo que o dia esteja nublado ou que você vá ficar em ambientes internos, reaplicando algumas vezes durante o dia. A luz artificial, vinda de lâmpadas e eletrônicos como PCs e smartphones, também emite radiação prejudicial à pele, por isso, o protetor é útil até mesmo em ambientes internos. Um protetor de FPS 30 é ideal para habitantes do Brasil, que é um país tropical, com maior incidência de raios solares.

10 DICAS PARA EVITAR AS DOENÇAS DE PELE MAIS COMUM

10 DICAS PARA EVITAR AS DOENÇAS DE PELE MAIS COMUM

No verão, os cuidados com a pele devem ser redobrados, porque o sol e a desidratação podem trazer muitos problemas como queimaduras, envelhecimento precoce, aumentando até mesmo o risco de câncer.

Assim, para evitar as doenças de pele comuns no verão como micose, queimaduras e câncer de pele deve-se adotar medidas simples como manter a pele seca, livre do suor, mas devidamente hidratada.

Por isso, para se proteger, confira aqui 10 dicas de cuidados essenciais com a pele nos dias mais quentes do ano.

1. Manter a pele limpa e hidratada

Tomar pelo menos 2 banhos diários por dia deve ser suficiente para manter a pele devidamente limpa, livre do suor, mas se estiver muito quente, pode-se tomar mais banhos, mas é recomendado usar somente água, evitando o sabonete para não deixar a pele mais ressecada. O sabonete antisséptico pode ser útil para eliminar as bactérias e outros micro-organismos das axilas, região íntima e pés que podem causar frieira, por exemplo.

Após o banho é importante passar um creme hidratante fluido, pelo menos nas regiões onde a pele tende a ficar mais seca, como pés, joelhos, mãos e cotovelos. Entenda porque tomar mais de 2 banhos por dia é prejudicial à saúde.

Leia também: principais Problemas de pele

2. Usar protetor solar diariamente

Aplicar protetor solar cerca de 20 a 30 minutos antes da exposição solar e fazer renovação a cada 3 horas é importante para quem está na praia ou na piscina. Mas quem fica exposto ao sol durante o trabalho também deve ter este cuidado todos os dias para evitar o câncer de pele.

O protetor deve ser passado em toda a área da pele fica exposta ao sol. Assim, quem trabalha em ônibus e caminhões, pode por exemplo aplicar bastante protetor solar no braço e na mão esquerda porque estas tendem a ficar mais expostas ao sol.

As loções pós sol são ótimas para refrescar a pele após um dia de praia, piscina ou cachoeira.

3. Não se depilar no dia de pegar sol

Outro cuidado importante no verão é não fazer a depilação do rosto e do corpo no dia e também na véspera da exposição solar porque isto pode causar manchar escuras na pele. Assim, a depilação deve ser feita, pelo menos com 48 horas de antecedência.

4. Tomar banho de água doce quando sair da praia

Depois de um dia de praia deve-se tomar um banho de água doce, de preferência fria, para retirar o sal e areia que tendem a ressecar a pele, facilitando as fissuras que podem permitir a entrada de micro-organismos. Se a praia tiver um chuveirinho de água doce, experimente passar por ele antes de sair da praia, e se não tiver leve uma garrafa de água doce para jogar no corpo quando sair da areia. Se possível experimente hidratar a pele aplicando novamente o protetor solar ou com a loção pós-sol.

5. Não fazer tratamentos de pele no verão

Evitar fazer tratamentos com laser e produtos químicos durante o verão é importante porque estes tratamentos podem danificar a pele bronzeada e causar manchas difíceis de remover. A melhor época para fazer estes tratamentos é durante o outono e o inverno, quando a temperatura está mais amena e o sol menos forte, mas é sempre importante usar protetor solar quando fizer estes tratamentos.

Outro cuidado importante é fazer esfoliação da pele, principalmente no rosto e nos pés, 1 vez por semana para eliminar as células mortas e renovar a pele.

6. Manter a pele sempre seca

Manter a pele sempre seca é importante para evitar o aparecimento de fungos que levam à micose. Assim, deve-se usar sandálias ou chinelos para que os pés não fiquem molhados de suor dentro do sapato. Além disso, para evitar micose, também conhecida por pano branco, deve-se evitar compartilhar toalhas em clubes, praias e piscinas.

7. Pegar sol com protetor

Quem deseja ficar bronzeada sem prejudicar a pele pode optar por usar um protetor solar mais fraco, com FPS 4 ou 8, por exemplo, porque ele filtra os raios nocivos do sol e deixam a pele mais bonita, com um tom dourado. Alguns óleos e bronzeadores também possuem fator de proteção solar incluído em sua fórmula, conferindo ótimos resultados.

8. Investir no betacaroteno

Para deixar a pele morena e com um bronzeado que dura mais tempo, também é recomendado comer alimentos que contêm carotenoides como cenoura, abóbora, mamão, maçã e beterraba, pois estes alimentos protegem do câncer e deixam a pele mais bonita e hidratada.

9. Ingerir bastante líquidos

Para evitar a desidratação que pode surgir rapidamente provocando intensa dor de cabeça e boca seca, deve-se beber cerca de 2 a 3 litros de água por dia para hidratar o corpo. A água pode ser substituída por suco de fruta ou chá gelado, por exemplo, mas estes têm mais calorias e podem aumentar o peso, e por isso a água pura, e a água com gotinhas de limão são mais indicadas.

10. Evitar o sol direto

Nas horas mais quentes do dia, entre as 10 e as 16 horas deve-se evitar a exposição solar direta porque nestes horários há mais riscos para a saúde. Assim, nestas horas deve-se preferir ficar embaixo do guarda-sol ou dentro do bar da praia ou da piscina para se proteger do sol, evitando a insolação e as queimaduras na pele.

Flacidez: causas e tratamentos para combater

Flacidez: causas e tratamentos para combater

A flacidez da pele é uma preocupação constante no dia a dia das mulheres, ainda mais agora com a chegada do verão. Muitos são os motivos que causam esse efeito indesejado. A Draª Maria Paula Del Nero ressalta que a genética, perda de peso e a idade são os principais causadores de flacidez.

“Embora alguns homens sofram com o transtorno, a flacidez ocorre com mais frequência nas mulheres. Isso acontece, principalmente, devido às variações hormonais da produção de colágeno e elastina, além, claro, da predisposição genética, principalmente em pessoas com a pele muito clara, ao contrário da pele negra que tem uma fibra colágena mais firme. A idade também é uma grande vilã, pois nós perdemos uma média de 1.5% de colágeno ao ano depois dos 30 anos. Isso quer dizer que com 75 ou 80 anos nós temos 75% de colágeno a menos no corpo”, afirma.

Mas não é difícil ouvir queixas de pessoas jovens sobre flacidez, mesmo não figurando nos fatores acima, pois a perda de peso drástica, por meio de dietas, também causa flacidez na pele. “Dietas drásticas e cirurgias bariátricas também trazem como efeitos colaterais a flacidez”, ressalta.

Leia também: Flacidez como evitar

Como evitar e quais os melhores procedimentos para combater a flacidez são algumas das dúvidas que surgem ao longo do caminho e, devido aos tratamentos estéticos e produtos preventivos existentes no mercado, solucionar o problema está cada vez mais fácil.

Para combatê-lo é necessário adotar algumas medidas preventivas, como uma dieta balanceada, à base de verduras, frutas e legumes e ingestão de água. Confira algumas dicas:

1. Hidratação

A elasticidade da pele está diretamente relacionada aos níveis adequados de hidratação. Há como combater a flacidez, maximizando a elasticidade da pele mantendo uma boa hidratação no dia a dia. Recomenda-se a tomar em média 2 litros de agua por dia, podendo variar conforme peso.

2. Musculação

Como a flacidez costuma aparecer frequentemente em algumas áreas específicas do corpo, é válido investir em exercícios para essas regiões. Abdômen, parte interna da coxa e glúteos são alguns dos pontos mais propensos e devem ser exercitados.

3. Alimentação

Uma dieta para evitar a flacidez deve conter muitas verduras, frutas, legumes e proteínas magras. Além de nutrientes importantes para a saúde da pele e da musculatura. Há também a opção de repor com colágeno hidrolisado ou peptídeos, isso ajuda uma média de 5% no combate à flacidez.

4. Proteção

Uma das maiores causas da flacidez é a exposição excessiva ao sol. Os raios ultravioletas danificam a epiderme e a derme, a camada mais profunda da pele. E é exatamente na derme que se encontra o colágeno, uma proteína produzida pelo próprio organismo e responsável por manter a firmeza da pele. Os raios de sol têm a capacidade de destruir a estrutura do colágeno, prejudicando a sustentação da pele.

5. Tratamentos estéticos

Os tratamentos bioestimulador, à base de radiofrequência, também auxiliam no estímulo da fibra colágena para aumentar a produção da substância, minimizando os efeitos. Segundo a Draª Maria Paula Del Nero, o ácido polilático, conhecido também como Sculptra®, é o tratamento mais recomendado para a prevenção da flacidez corporal, podendo aumentar a produção de colágeno em até 70%, benefício que nenhum outro tratamento disponível no mercado proporciona.

Cuidados com a pele: máscaras faciais para oleosidade excessiva, hidratação profunda e pele ardida

Cuidados com a pele: máscaras faciais para oleosidade excessiva, hidratação profunda e pele ardida

A produção de máscaras faciais caseiras é uma opção simples e barata para tratar a pele com cuidado e qualidade

A pele do rosto costuma ser muito mais sensível, por isso requer atenção redobrada

Para cuidar da sua pele, é importante saber limpá-la da forma correta e com muito cuidado. A limpeza bem feita remove a sujeira do seu rosto, o excesso de oleosidade na superfície e nos poros e ainda ajuda no processo de renovação das células.

Você não precisa gastar dinheiro com cosméticos especializados para cuidar da sua pele, eles poderão ser preparados em casa com ingredientes naturais, excelentes para a saúde. A produção de máscaras faciais caseiras é uma opção simples e barata para tratar a pele com cuidado e qualidade.

Pele com excesso de oleosidade

Faz parte da herança genética ter uma pele oleosa, mas existem alguns fatores que ajudam a aumentar a oleosidade, causando o aumento de cravos e espinhas. Limpando cuidadosamente a pele do seu rosto, você poderá evitar que essa oleosidade permaneça em seu rosto. Confira como fazer uma máscara facial para diminuir a oleosidade da pele:

Leia também: Máscara de pepino é boa

Ingredientes:

– 1 maço de hortelã;
– 2 copos de água mineral;
– 3 gotas de própolis natural;
– 3 gotas de mel;
– 2 colheres de iogurte;
– 3 colheres de sopa de aveia.

Como fazer:

Existem alguns fatores que ajudam a aumentar a oleosidade, causando o aumento de cravos e espinhas

Bata em um liquidificador o maço de hortelã com água, coe essa mistura e reserve. Misture apenas três colheres deste líquido com o própolis, o mel, a aveia e o iogurte. Passe essa mistura em seu rosto e deixe por 20 minutos.

Hidratação profunda para pele

A pele do rosto costuma ser muito mais sensível, por isso requer atenção redobrada. A utilização de produtos naturais permite que sua pele respire e fique sempre limpa e jovial. Siga o passo a passo e hidrate sua pele toda semana.

Ingredientes:

– 1 folha de gelatina incolor;
– 1 xícara de chá de suco de beterraba.

Como fazer:

Coloque a gelatina em uma xícara e encha com suco de beterraba quente, misture e passe em sua pele. Deixe por 15 minutos e lave o rosto logo em seguida.

Limpando cuidadosamente a pele do seu rosto, você poderá evitar que a oleosidade permaneça em seu rosto

Pele ardida por excesso de sol

Sem o cuidado necessário, a irradiação solar pode causar ardência, descamação, ressecamento e até manchas em seu rosto. Siga as dicas abaixo e trate sua pele ardida por excesso de sol:

Ingredientes:

– 1 fatia grande de abóbora;
– 1 colher de sopa de óleo de gergelim ou azeite de oliva extra virgem;
– 1 colher de sopa de mel.

Como fazer:

Cozinhe a abóbora por 10 minutos até que ela amoleça. Retire a casca e, com um garfo, amasse a abóbora. Adicione óleo e o mel na mistura e aplique em todo o rosto. Deixe em sua pele por aproximadamente 15 minutos. Use água mineral para lavar o rosto.

Como acabar com olheiras

Como acabar com olheiras

Só quem acorda e dorme com os olhos mergulhados na mesma nuvem cinza sabe o que é. Mas os dias nublados estão contados. Já soube das novidades?

Preenchimento com ácido hialurônico
O mais recente e melhor tratamento para olheiras atende pelos nomes de Juvederm Refine e Volbella – dois preenchedores à base de ácido hialurônico altamente refinado e moldável. Injetados por meio de dois pequenos orifícios, eliminam a coloração escura, ao mesmo tempo em que nivelam e homogeneizam qualquer “degrau” ou ondulação na região das olheiras. Com uma única aplicação, na maioria dos casos já produzem resultados, inclusive em quem tem bolsas: é que o ácido hialurônico cria uma nova camada profunda que alisa e firma, regularizando também a cor, graças à diminuição da transparência que deixa entrever vasos e edemas. Além do efeito imediato, o ácido hialurônico estimula a produção de colágeno ao longo dos meses, aumentando a densidade da derme. Com isso, a frágil pele da região vai se torna mais firme e menos “transparente”, melhorando ainda mais a cor e a firmeza da região. Feito com anestesia local, o procedimento leva meia hora e permite retomar as atividades imediatamente – no máximo, você pode ficar ligeiramente inchada por uma semana.

VEJA MAIS
As melhores dicas de maquiagem para cobrir olheiras
Top 4 ativos contra olheiras
Vídeo: como camuflar as olheiras perfeitamente
Cremes com densiskin, sim!

Leia também: olheiras causas

Um bom estimulador de colágeno e densificador da derme que tem sido usado em cremes é o Densiskin. Composto por peptídeos de colágeno marinho e silício orgânico em altas concentrações, esse biopeptídeo age modificando a derme, aumentando a sua densidade através do incremento de colágeno. O densiskin favorece o estímulo celular, principalmente de fibroblastos, que produzem o colágeno; forma um biofilme protetor na pele, que ajuda a controlar a irritação e a inflamação epidérmicas; atenua sulcos e rugas. Tem seu efeito potencializado quando associado a vitaminas A, C e E.

Laser: superpoder, ativar
Lasers como o Starlux 1540 e Starlux G trouxeram resultados animadores. Agindo na modificação da densidade da pele fina e frágil da região das pálpebras inferiores, conseguem torná-la mais firme, cheia de colágeno, rica em fibras elásticas e capaz de reter água em profundidade. Resultado: nova elasticidade. Seu primeiro efeito é diminuir a transparência, homogeneizando a cor e impedindo a visualização da coloração escura dada pelos vasos profundos. O tratamento consiste em cerca de três sessões, com o globo ocular protegido por uma capa metálica enquanto os feixes de luz são aplicados na região. Alguma vermelhidão e inchaço temporário podem aparecer, mas na maioria das vezes não representam grande incômodo.

SHOP: Creme para os Olhos 15ml – Clarins Super Restorative Total Eye Concentrate | Anti-Idade para Área dos Olhos 7,5ml – Perricone MD Cold Plasma Eye | Gel Tratamento para os Olhos 1,8ml – Talika Eye Detox Contour

Dicas que nós amamos
1. Dormir de costas (como a Bela Adormecida) e em torno de oito horas por dia, em ambiente tranquilo, silencioso e escurecido.
2. Para pálpebras inchadas e congestionadas logo pela manhã, lavar o rosto com água aquecida e massagear com creme hidratante rapidamente. Com a vasodilatação e a drenagem linfática que a água quente e a massagem promovem, há melhora imediata.
3. Não fumar (isso é importantíssimo!). Com a vasoconstrição, há palidez e consumo dramático do colágeno, fragilizando rapidamente a pele da região. Evitar ficar muito tempo em locais fechados e esfumaçados.
4. Aumentar a atividade física, de preferência em espaços abertos.
5. Aumentar a quantidade de vegetais na dieta, dando preferência às verduras e frutas ricas em vitamina C e sais minerais.
6. Reduzir massas, carnes gordurosas, alimentos artificiais, comida muito salgada.
7. Matar a sede com água e não com refrigerantes e sucos que podem conter muito açúcar e sais (inclusive os zero e light). Não se esqueça de deixar um copo de água próximo a você se passa muito tempo ao computador ou no escritório.
8. Corretivos em bastão, mais secos, são de inestimável valor no disfarce das olheiras, particularmente para as mulheres, claro. Passe um de tom um pouco mais claro que sua pele, sob a base ou sozinho. Fixe com um pouquinho de pó! Leve na bolsa para ganhar um ar descansado no fim do dia!

Os benefícios do colágeno são realmente comprovados?

Os benefícios do colágeno são realmente comprovados?

Os benefícios do colágeno são propagados como milagrosos. Mas será que há provas de que essa substância realmente deixa a pele mais bonita. E nas articulações, ele realmente beneficia?

O colágeno, que é encontrado nos ossos, cartilagem e pele de animais (incluindo vacas, frango e peixe) tem ganho cada vez mais popularidade. Ele é vendido em forma de pó e está presente em barras de proteína, doces e bebidas.

Mas consumir produtos à base de colágeno realmente faz diferença? O colágeno não é encontrado apenas em animais, o corpo humano também o produz. De fato, ele é a proteína estrutural mais abundante no corpo humano.

Ele é o componente principal do tecido conjuntivo. Está presente em nossos ossos, tendões, ligamentos, cabelo, pele, órgãos, músculos e veias. Nosso corpo fabrica colágeno a partir de aminoácidos, que consumimos em alimentos ricos em proteínas.

Leia também: Fascia colágeno funciona

Pesquisas mostram que outros nutrientes estão envolvidos com a produção de colágeno, como cobre e vitaminas A e C. Pigmentos de plantas chamados antocianidinas também contém colágeno. Esses pigmentos são encontrados em alimentos com coloração vermelha, roxa e azul.

Conforme o corpo envelhece, ele produz menos colágeno. Daí surgem as rugas flacidez e enfraquecimento das juntas.

Alguns maus hábitos também interferem na produção de colágeno. Fumo, álcool e exposição ao sol são prejudiciais nesse sentido.

Leia também: Skin renov funciona

Mas se o corpo produz colágeno, é útil consumi-lo? A resposta não é tão óbvia e simples. Alguns especialistas dizem que quando você ingere colágeno, ele é absorvido como um aminoácido.

Em outras palavras, ingerir colágeno não é diferente de ingerir alimentos ricos em proteínas. Porém, sem muitas pesquisas sobre os benefícios do colágeno, o processo de ingestão e absorção não é conhecido por completo.

O que a ciência diz sobre os benefícios do colágeno?
Em um estudo de 2014, o efeito do colágeno hidrolisado foi analisado na pele de mulheres. entre idades de 35 a 65 anos, 69 mulheres participaram do estudo.

Um grupo tomou o suplemento uma vez por dia por 8 semanas. O segundo grupo tomou um placebo. As mulheres do grupo que ingeriu o colágeno exibiu muitas melhoras na comparação com o segundo grupo.

Um mês depois do fim do estudo, os efeitos ainda eram bem melhores em mulheres mais velhas. Quanto à hidratação da pele, não houve diferenças significativas. Um outro estudo focalizou os benefícios para dores nas juntas.

Com 147 atletas homens e mulheres, o estudo durou 24 semanas e usou colágeno hidrolisado. O grupo que consumiu a substância registrou menos dor. As situações avaliadas foram: em repouso, andando, levantando, em pé e carregando objetos.

Apesar dos resultados positivos, é difícil saber se a ingestão traz todos os benefícios do colágeno como as embalagens dizem.

Vantagens da Babosa

Vantagens da Babosa

A babosa é uma planta utilizada para diversos fins medicinais há muitos anos. Muito utilizada para problemas relacionados com a pele (acne, psoríase, hanseníase, etc), encontram-se relatos do uso entre civilizações antigas como os egípcios, gregos e mesmo citações na Bíblia, deixando claro que era comum o uso desta planta na antiguidade.

A babosa (conhecida cientificamente como Aloe vera) fortalece o sistema imunológico e tem ação anti-inflamatória e antiviral (inclusive inibindo a multiplicação do vírus da AIDS). Algumas pesquisas isoladas mostraram que os oligossacarídeos presentes na babosa ajudam a combater as células malignas. Os princípios ativos se encontram no gel e não na casca.

Benefícios da Babosa
Estabiliza a glicemia sanguínea em diabéticos
Reduz processos inflamatórios no organismo
Faz o equilíbrio do colesterol e triglicérides
Trata úlceras, síndrome do intestino irritável, doenças de Chron e doenças celíacas
Contém alto teor de Acemannan, um fortalecedor imunológico natural
Aumenta a expectativa de vida e longevidade
Ajuda eliminar os desconfortos do refluxo
Acelera a cura de queimaduras físicas e radioativas
Melhora a saúde da gengiva
Reduz derrames e ataques cardíacos
Melhora o funcionamento intestinal
Possui enzimas que facilitam a digestão
Ajuda a dissolver pedras nos rins
Aumenta o desempenho cardiovascular e a resistência física.
Protege o corpo contra o stress oxidativo.

Leia também: Babosa para a pele

Composição da Babosa
Água
20 minerais
12 vitaminas
18 aminoácidos
200 componentes vegetais ativos (fitonutrientes), incluindo: enzimas, terpenos (um fitonutriente que reduz o açúcar no sangue), gliconutrientes e glicoproteinas.
Polissacarídeos, incluindo: Acemannan, Mannose-6-fosfato, Polimannans
Glicosídeos Fenólicos, como o Dihydrocoumarins
Cuidados na Ingestão
Você já deve ter ouvido falar que a babosa é tóxica, e que é imprópria para ingestão, não é? No Brasil, a ANVISA proíbe produtos alimentícios que contenham babosa. De fato, existem diversas espécies de babosa, e algumas delas realmente são tóxicas para ingestão. Porém, a espécie Aloe vera barbadensis é considerada segura e cheia de benefícios para nossa saúde.

Lembrando também que devemos sempre comsumir apenas o gel do interior das folhas, pois é na casca que elementos potencialmente tóxicos se encontram.

Como consumir a Babosa?

Observados os cuidados acima, o gel da Aloe vera, quando extraído adequadamente, praticamente não tem gosto e portanto soma-se bem a qualquer suco ou bebida que você prepare no liquidificador.

Para fazer uso desta planta, descasque-a com a ajuda de uma faca e jogue um pedaço do gel (mais ou menos uma colher de sopa) dentro do copo de liquidificador.

Você pode usar o gel da babosa em sucos, vitaminas e shakes. Cuidado com o excesso, pois pode provocar efeitos indesejáveis. Não existe uma quantidade ideal por dia. Comece com uma quantidade pequena e vá aumentando aos poucos se assim desejar.

Em termos de conservação, o ideal é conservar a folha em geladeira depois de colhida. O gel colhido pode ser congelado e guardado por até seis meses.

Suco de Babosa
Por ser uma planta com propriedades depurativas, a babosa é uma boa aliada para melhorar o metabolismo. Ao misturá-la com limão obteremos a propriedade depurativa junto às propriedades desintoxicantes. Esse suco também ajuda melhorar a imunidade e fornecer mais energia.

1 colher de sopa do gel da babosa aloe vera barbadensis
1 colher de sobremesa de mel ou melado
Suco de um limão
Bata os ingredientes e um copo de água no liquidificador. Tome preferencialmente em jejum.

Babosa para Pele e Cabelos

A indústria cosmética vê a babosa (Aloe vera) como base e fitocosmético para vários produtos de beleza, tais como: cremes faciais e capilares, limpadores de pele, loção fortalecedora do couro cabeludo, desodorantes, loção pós-barba, shampoos, cremes para acne e loção para caspa.

Na pele a Aloe vera previne a formação de rugas hidratando peles ressecadas e flácidas. Também é muito útil para o tratamento de cortes e feridas, acne, coceiras e manchas na pele. Um dos usos mais especiais deste produto natural é o cuidado com a pele, seja por queimaduras ou no tratamento de cicatrizes, em função de seu gel que acelera notoriamente o processo de cicatrização, melhorando a circulação do sangue em volta da ferida.

Graças ao fato da babosa ter propriedades anti-inflamatórias é um bom remédio contra a acne. Ajuda a controlar a oleosidade que se acumula na pele. Você pode usar um gel de babosa sobre as espinhas para diminuir o inchaço.

Nos cabelos a babosa ajuda a diminuir a coceira e irritação do couro cabeludo, fortalece, melhora a oleosidade e caspa.

Cremes Anticelulite

Cremes Anti celulite

Veja aqui os principais cremes anticelulite e os principais ingredientes usados em suas formulações.
Artigo publicado por Lilian Santana nas categorias: Tratamento

Os cosméticos são meios que usamos para manter e aperfeiçoar o nosso corpo quando algo está fora do lugar e nos incomoda. A ciência que trata deles é conhecida como Cosmetologia e estuda as formas de aplicação, ação e seus efeitos fisiológicos. Você pode encontrá-los em forma de emulsões (cremes e loções cremosas), géis (aquoso ou oleoso), líquidos (loções), pós (talco, maquiagem) e vetoriais (lipossomos e silanois).

Como Funciona?

Nós possuímos uma enzima chamada de Monofosfato Cíclico de Adenosina, que realiza a hidrólise ou “quebra” das células adiposas facilitando sua remoção. O aumento da circulação sanguínea aumenta o calor interno do corpo que faz com que a mitocôndria produza mais Monofosfato Cíclico de Adenosina. Tá achando complicado? Mas não é. É exatamente por esse motivo que os fabricantes investem em cremes que ativam a circulação, pois ela ajuda na queima de gordura localizada e podem até reduzir um pouquinho da aparência de sua celulite.

Os Melhores Cremes do Mercado?
O mercado possui algumas diferentes opções de cremes anticelulite, com todo tipo de preço e composição, uns funcionam um pouquinho melhor do que outros. Mas lembre-se: só o creme não irá resolver o seu problema, mesmo se a sua celulite for grau 1, será necessário mudar um pouco a alimentação, evitando gorduras e carboidratos e fazer exercícios direcionados pelo menos três vezes por semana. Aqui vão algumas dicas de cremes que podem ajudar um pouquinho nesse processo e também as promessas dos fabricantes:

Bye Bye Celulite da Nivea – promete resultados com apenas 3 semanas de uso;
Perfect Skin da L’Oreal – com pequenos rolos na ponta do frasco, que massageiam a pele enquanto você passa o produto, ativando a circulação, ele promete já a partir da 4ª semana de tratamento;
Body Cellu-Sculpt Redutor de Celulite e Medida da Avon – reduz a celulite e ainda consegue amenizar as medidas da área tratada;
Anticelulite Slimissime 360° da Lancôme – com uma fórmula que age em cada etapa da formação da celulite, esse produto, além de amenizar o aspecto de ondas, evita o surgimento de novos nódulos.

Princípios Ativos
Os princípios ativos são na verdade a base do tratamento que você vai utilizar, pois são eles que irão promover na sua pele os benefícios que você espera do tratamento. Aqui vão os nomes dos nossos salvadores:

Bétula, Hera e Centella Asiática: ativadores da circulação;
Cavalinha: ativador da circulação, adstringente e cicatrizante;
Cafeína: as xantinas, que estimulam o metabolismo;
Silanois: potente para atingir o tecido adiposo e reestruturação do tecido fibroso;
Eles também possuem alguns aditivos como perfumes que não são usados apenas pelo cheiro, mas por garantir o balanço químico do produto. Os corantes que devem ser hidrossolúveis e não devem alterar o composto da fórmula. Os mais usados são o carvão vegetal, urucum, henna e cúrcuma. E por fim os conservantes que podem ser antioxidantes, fungicidas e anti-sépticos.

Leia também: comprar Creme firmador

Sugestões e recomendações
Um dos cremes mais badalados na mídia e aceito pelas mulheres no combate à celulite e à flacidez é um creme à base de grão de café, que promete a função de quebrar as células de gordura e drenar as toxinas na sua aplicação. Esse creme é composto por café verde, toranja e noz de cola, e foi muito recomendado por especialistas e comentado nos principais blogs de beleza.

Ele deveria ser utilizado após a prática de exercícios e longe dos horários das refeições, para que o seu efeito fosse mais visível. Outras fórmulas recomendadas são as que levam centelha asiática e arnica (para melhora da circulação), ureia (que melhora a hidratação da pele de forma intensiva) e carnitina, que ajuda de forma efetiva no combate à flacidez.

Dentre as marcas mais utilizadas do mercado, temos destaque para algumas fórmulas como: Creme anticelulite Slimssime 360, da Lamcôme; Celslim 12h, da Anna Peggova; Bye Bye Celulite, da Nivea; e o Cellu Destock, da Vichy, um dos melhores e mais bem conceituados do mercado. O preço da maioria deles varia entre R$ 150,00 e R$ 300,00.

A Aplicação Importa
Todos esses cremes, e alguns outros, agem na celulite, mas não se você aplica-lo como um creme hidratante normal. Os cremes contra a celulite são parte de um combo creme e massagem. A automassagem ajuda a combater a celulite e a otimizar a absorção do creme, por isso, é muito importante que você se dê uns cinco a dez minutos depois do banho para aplicar os cremes e fazer a auto massagem.

Leia também: Skin renov Anvisa

A auto massagem correta segue a orientação da circulação. Isso quer dizer que nas coxas você deve deslizar as mãos, com pressão mediana, dos joelhos em direção à virilha ou glúteos, passando em todos os lados das coxas. Nos glúteos, siga a mesma orientação, da base até o cóccix e no abdômen, acima do umbigo faça movimentos circulares em sentido horário e do umbigo para baixo, deslize as mãos, com pressão, do umbigo ao púbis. Na cintura, vá na direção das costelas ao quadris, e nos braços, do cotovelo ao ombro ou axila.

Mas Afinal, Os Cremes AntiCelulite Vão Resolver meu Problema?
Por favor, muita atenção nessa hora, pois aqui é a parte mais importante desse artigo.

Infelizmente, os cremes e a própria massagem agem de maneira bastante superficial no corpo, e assim eles não conseguem atingir a causa real do problema da celulite.

Veja bem, a utilização dos cremes anti-celulite, pode apresentar uma pequena mudança mais superficial na aparência da pele, e assim um pouco dos furinhos ficará menos visível, mas esse será um efeito temporário.

A celulite, para ser tratada de forma definitiva, precisa ser atacada na raiz do problema. Os músculos que estão por baixo da pele, precisam ser trabalhados de maneira uniforme, com movimentos direcionados (sem uso de peso), e desse modo a camada superior da pele ficará mais lisa e regular.

Para você entender melhor, EU RECOMENDO assistir ao vídeo abaixo:

Muitas leitoras do meu blog me escreveram por email dizendo que estão tendo resultados impressionantes com os movimentos acima. Assista e depois venha me contar o que achou, tá bom?