Suco detox: benefícios + 9 receitas simples para perder barriga

Suco detox: benefícios + 9 receitas simples para perder barriga

Mix de ingredientes ricos em nutrientes, as receitas de suco detox são uma excelente fonte de energia para o dia a dia e, de quebra, são aliadas de quem quer perder peso.

“Elas têm sido promovidas como a solução para apagar exageros na dieta, mas servem principalmente para ajudar na desintoxicação do organismo”, esclarece a nutricionista Paula Castilho, da Sabor Integral Consultoria em Nutrição.

De acordo com ela, o suco composto por frutas e folhas tem potencial de contribuir com o emagrecimento, mas ajuda principalmente a combater os radicais livres, que são substâncias que oxidam as células, se os ingredientes forem bem escolhidos.

Abaixo, veja quais são os benefícios de suco detox e aprenda a prepará-lo:

Diferença entre suco detox e tradicional
Basicamente, as receitas de suco detox têm em sua composição ingredientes que eliminam substâncias tóxicas do organismo. Até mesmo a mistura de água quente com limão pode ser considerada desintoxicante.

Segundo a nutróloga Ana Valéria Ramirez, trata-se de uma bebida que apresenta componentes que favorecem a limpeza do fígado, potencializando a eliminação de toxinas que sobrecarregam o organismo. “Ele recebe este nome pois o fígado é o órgão mais importante no processo de desintoxicação”, explica.

Leia também: Kifina funciona

O que posso colocar no suco detox?
Muita gente acredita que todo suco com coloração verde é detox. No entanto, isso está longe de ser verdade, já que para ser considerado um é preciso ter uma receita base.

“Você pode colocar o que quiser no suco, mas precisa ser à base de água, água de coco ou leite de vegetais e conter folhas escuras, como couve ou espinafre. É aconselhável adicionar também alguma fruta, um vegetal e outro complemento, que pode ser linhaça, gengibre ou gergelim”, ensina Ramirez.

Para a nutricionista Eliéte Paganini, da rede Dr.Consulta, o efeito de suco detox só funciona se houver o aporte de nutrientes necessários para formação de enzimas que participam do processo de detoxificação.

Melhores ingredientes para suco detox
Os ingredientes devem sempre variar para garantir uma variedade de nutrientes ao organismo, mas é indicado que contenham ao menos item de cada tópico abaixo:

Folha: couve, espinafre, folha da beterraba, rúcula ou agrião;
Fruta: abacaxi, maçã, melão, maçã verde, morango ou amora;
Base líquida: suco de limão espremido, água ou água de coco;
Erva: manjericão, salsinha, hortelã, alecrim ou sálvia;
Termogênico: gengibre, canela ou pimenta;
Legumes: cenoura, beterraba ou pepino.
Efeitos do suco detox no organismo
Um suco detox tem efeitos positivos na hidratação, além de agir como diurético. Por isso, os benefícios vão desde a mudança no funcionamento do intestino até uma pele mais bonita. “A ingestão de líquidos é uma das maneiras mais eficientes de promover a limpeza do organismo, já que vai estimular a filtragem e absorção dos nutrientes presentes no sangue”, explica a nutróloga.

Leia também: Farinha seca barriga o que é

Outro benefício, segundo ela, é o aumento também da produção de urina, que é a principal forma que o organismo utiliza para eliminar as toxinas. A equação é muito simples: quanto mais líquidos são ingeridos, maior é a eficácia da desintoxicação.

Leia também: Max Detox comprar

Benefícios do limão: fruta tem efeito detox e faz bem ao intestino
Dieta Detox: o que dizem os que são contra?
Benefícios da couve e 3 receitas para você experimentar
Riscos
Apegar-se apenas a sucos detox como uma forma de proteger o organismo e eliminar toxinas não é uma estratégia eficiente, já que eles devem ser complementares a uma rotina regrada de cuidados com a saúde.

Uma dieta equilibrada, contendo frutas, verduras e legumes em quantidades adequadas, evitando o consumo de qualquer tipo de alimento industrializado, ajuda a reduzir a necessidade de uma alimentação detox.

“Nós costumamos indicar a redução do consumo de açúcar, sal e de alimentos com alta quantidade de sódio, assim como manter um consumo adequado de água durante o dia”, destaca Maíra Branco Rodrigues, nutricionista encarregada da Divisão de Nutrição e Dietética do Instituto Central do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP).

Como reduzir a exposição a substâncias tóxicas?
No dia a dia, algumas atitudes podem ajudar a diminuir as chances de entrarmos em contato com substâncias tóxicas para o nosso organismo. Veja abaixo:

Leia também: Phytophen é bom

Reduzir o consumo de carnes vermelhas e retirar o leite de vaca da dieta — devido a resíduos de pesticidas, micotoxinas oriundas da ração e antibióticos;
Evite consumir vísceras, principalmente o fígado de animais;
Se possível, prefira produtos orgânicos. Verifique se os produtos possuem o selo de autenticidade de que são orgânicos;
Evite a utilização de utensílios plásticos para acondicionar alimentos quentes, alimentos gordurosos e para aquecer os alimentos. Isso evita que os compostos químicos do plástico migrem para a comida;
Garrafas pet com água não devem permanecer em temperaturas elevadas, pois isso contribui para que ela seja contaminada por compostos químicos tóxicos;
Evite os seguintes alimentos: refrigerantes, embutidos, enlatados em geral, cafeína, frituras e lanches servidos em fast-food, condimentos prontos e doces em excesso.
Pode tomar todo dia? Quantas vezes?
O suco detox deve ser ingerido no máximo duas vezes ao dia e não pode substituir uma refeição.

Receitas de suco detox emagrecedor
Com abacaxi
Ingredientes
1 fatia de abacaxi;
2 centímetros de inhame;
1 colher de café de gengibre;
½ porção de banana prata verde ou maçã verde;
Modo de preparo
Bater com água e tomar sem coar e sem adoçar.

Com couve
Ingredientes
2 folhas grande de couve
1 punhado de folhas de hortelã
1 rodela de abacaxi
1 pedaço de gengibre fresco
2 colheres de café de Camu Camu
Água e gelo a vontade
Modo de preparo
Fazer este suco detox é muito simples: basta bater todos os ingredientes no liquidificador e tomar sem coar ou adoçar.

Com limão
A nutricionista Thais Brito, do SPA Estância do Lago ensina um suco detox que auxilia na redução do risco de doenças cardiovasculares. Aprenda:

Ingredientes
1 folha de couve
1 kiwi sem casca e picado
Suco de 1 limão
1 colher de chá de linhaça dourada
Modo de preparo
Bata tudo no liquidificador e aproveite.

Com gengibre
Esta receita de suco detox da nutricionista Cristiane Botelho da Silva, especialista em Ética e Saúde, é perfeita para quem exagerou em refeições e quer desintoxicar.

Ingredientes
1 maçã
1 cenoura descascada e picada
2 folhas de couve
1 pedaço pequeno de gengibre descascado
1 pedaço pequeno de pepino
Modo de preparo
Liquidifique tudo e beba.

Com laranja
A chef de cozinha Priscilla Herrera ensina essa receita de suco detox refrescante.

Ingredientes
1 xícara de chá de blueberries
1 xícara de chá de framboesas
1 xícara de chá de morangos frescos
800 ml de água mineral
Raspas de 1 laranja
2 colheres de sopa de mel
Gelo à vontade
Modo de preparo
Bata tudo no liquidificador, coe e tome ainda fresco.

Com frutas congeladas
O nutricionista Daniel Percego ensina essa receita de suco detox.

Ingredientes
½ xícara de chá de banana congelada
½ xícara de chá de morangos congelados
½ xícara de chá de framboesa congelada
½ xícara de chá de amoras congeladas
½ xícara de chá de água
Modo de preparo
Coloque tudo no liquidificador e bata bem.

Com cenoura + repolho e alface
Daniel Percego também recomenda essa outra opção de receita.

Ingredientes
4 cenouras
¼ pedaço de repolho pequeno
1 folhas de alface
Modo de preparo
Coloque tudo no liquidificador e bata bem. Depois, é só aproveitar seu suco detox.

Com melancia
Tuca Iervolino, chef da rede Club Life to Go, recomenda uma receita de suco detox diurético à base de melancia.

Ingredientes
2 pedaços de melancia (aproximadamente 100 g)
Sumo de um limão tahiti
1 pedaço de gengibre (a gosto)
200 ml de água
4 rodelas de pepino
Modo de preparo
Coloque tudo no liquidificador e bata bem.

Suco verde
Esse suco detox é recomendado pela nutricionista e gastrônoma Ana Paula Sales.

Ingredientes
2 maracujás
2 folhas de couve lavadas e higienizadas;
Suco de 1 limão médio
200 ml de água
Modo de preparo
Extraia o suco de maracujá com ajuda de uma peneira, acrescente as folhas de couve com talo, suco de limão e complete com água.

Depois bata tudo no liquidificador e adicione gelo.

Para que o organismo libere todas as coisas ruins armazenadas no corpo, é preciso misturar frutas e verduras ricas em fibras, como a couve e o maracujá.

 

Os benefícios do colágeno são realmente comprovados?

Os benefícios do colágeno são realmente comprovados?

Os benefícios do colágeno são propagados como milagrosos. Mas será que há provas de que essa substância realmente deixa a pele mais bonita. E nas articulações, ele realmente beneficia?

O colágeno, que é encontrado nos ossos, cartilagem e pele de animais (incluindo vacas, frango e peixe) tem ganho cada vez mais popularidade. Ele é vendido em forma de pó e está presente em barras de proteína, doces e bebidas.

Mas consumir produtos à base de colágeno realmente faz diferença? O colágeno não é encontrado apenas em animais, o corpo humano também o produz. De fato, ele é a proteína estrutural mais abundante no corpo humano.

Ele é o componente principal do tecido conjuntivo. Está presente em nossos ossos, tendões, ligamentos, cabelo, pele, órgãos, músculos e veias. Nosso corpo fabrica colágeno a partir de aminoácidos, que consumimos em alimentos ricos em proteínas.

Leia também: Fascia colágeno funciona

Pesquisas mostram que outros nutrientes estão envolvidos com a produção de colágeno, como cobre e vitaminas A e C. Pigmentos de plantas chamados antocianidinas também contém colágeno. Esses pigmentos são encontrados em alimentos com coloração vermelha, roxa e azul.

Conforme o corpo envelhece, ele produz menos colágeno. Daí surgem as rugas flacidez e enfraquecimento das juntas.

Alguns maus hábitos também interferem na produção de colágeno. Fumo, álcool e exposição ao sol são prejudiciais nesse sentido.

Leia também: Skin renov funciona

Mas se o corpo produz colágeno, é útil consumi-lo? A resposta não é tão óbvia e simples. Alguns especialistas dizem que quando você ingere colágeno, ele é absorvido como um aminoácido.

Em outras palavras, ingerir colágeno não é diferente de ingerir alimentos ricos em proteínas. Porém, sem muitas pesquisas sobre os benefícios do colágeno, o processo de ingestão e absorção não é conhecido por completo.

O que a ciência diz sobre os benefícios do colágeno?
Em um estudo de 2014, o efeito do colágeno hidrolisado foi analisado na pele de mulheres. entre idades de 35 a 65 anos, 69 mulheres participaram do estudo.

Um grupo tomou o suplemento uma vez por dia por 8 semanas. O segundo grupo tomou um placebo. As mulheres do grupo que ingeriu o colágeno exibiu muitas melhoras na comparação com o segundo grupo.

Um mês depois do fim do estudo, os efeitos ainda eram bem melhores em mulheres mais velhas. Quanto à hidratação da pele, não houve diferenças significativas. Um outro estudo focalizou os benefícios para dores nas juntas.

Com 147 atletas homens e mulheres, o estudo durou 24 semanas e usou colágeno hidrolisado. O grupo que consumiu a substância registrou menos dor. As situações avaliadas foram: em repouso, andando, levantando, em pé e carregando objetos.

Apesar dos resultados positivos, é difícil saber se a ingestão traz todos os benefícios do colágeno como as embalagens dizem.

6 coisas que você não sabe sobre o pênis

Mais de três bilhões deles estão à procura do planeta. Eles estão lá, muito próximos, todos parecidos, mas todos diferentes … Porque as mulheres finalmente não observam tanto pênis em suas vidas, porque quando se deparam elas mesmas estão muito ocupadas, o falo permanece parcialmente desconhecido. A prova em dez revelações sensacionais!

1) O tamanho dos dedos indica seu tamanho
O nariz, os pés, os lóbulos da orelha? Muitas meninas acreditam que têm algo a adivinhar sobre o tamanho do pênis em toda a glória. Mas apenas o trabalho do geneticista suíço-suíço Denis Duboule explorou seriamente a questão. Esse pesquisador não passou um duplo decimetro na mão, mas descobriu o papel do mesmo gene , chamado HOX, no desenvolvimento do pênis e dos dedos. De acordo com suas descobertas, um sujeito de dedos grandes provavelmente terá um pênis grande. Única reserva: as preocupações de pesquisa de Denis Duboule … o rato, não o humano. Mas podemos extrapolar!

2) Ele precisa de exercício para ficar em forma O
homem, à noite, tem ereções . Não só porque ele sonha com você nua na praia … relacionados ao sono REM, essas ereções são involuntário e inconsciente, ocorrem a cada 85 minutos , aproximadamente, e duram cerca de 25 minutos , para um total de uma hora de noite bandaison inexplorado . Para que eles são? Para manter os circuitos do pênis. Um homem que, por razões fisiológicas, não tem ereções noturnas, pode eventualmente permanecer impotente, mesmo sob o Viagra : como uma esponja murchada, o corpo cavernoso dos alvéolos gradualmente perde sua capacidade de se encher sangue.

E se você quer dar uma turbinada no seu amiguinho nós aqui do site te apresentamos o melhor estimulante sexual do mercado, ele se chama Big Size.

3) Você não é o único a preferir ser circuncidado
De acordo com um estudo dos EUA, 89% das mulheres preferem pênis circuncidados ao pênis cheio. O teste consistiu em enviar fotos de homens nus para centenas de estudantes e perguntar quem eles acharam fofo. O prepúcio, a pele cuja natureza dotou o homem para cobrir sua glande em repouso, ainda seria feia? Talvez …

4) Na verdade, quase nunca está certo
Em 2005 foi publicado na Martiens Editors um fascinante trabalho fotográfico intitulado Penis Atlas . Seu princípio: expor uma centena de pênis em close-up e luz plena, em repouso, em seguida, em ereção, na escala de 1 em 1. Seu objetivo: “Para louvar um orgulho do pênis construtivo, não um orgulho de esmagamento, dramatizando as perguntas que os homens perguntam sobre o tamanho ou a forma de seu sexo “, de acordo com os autores. Sua principal descoberta: apenas 10% dos pênis eretos vão diretamente, afligidos com uma partida oblíqua ou uma curvatura no caminho.

5) Pode quebrar
Não, não há osso nele, mas ainda, sim, um pênis ereto pode quebrar no corpo cavernoso durante um coito. As duas circunstâncias mais freqüentes são a má angulação da penetração (foi-lhe dito que abandone o carrinho de mão Bearnaise) e o passo em falso: o homem se retira um pouco demais durante a ida e volta, zap a entrada da vagina para o próximo derrame renal e quebra com força total onde ela falha. Esta fratura, muito dolorosa, deve ser reparada com urgência por cirurgia, de modo a não comprometer as futuras ereções do pênis em dor.

6) É muito sensível ao freio
O freio é a membrana, localizada na parte de trás da glande, que a conecta ao prepúcio. O freio tem duas características: a) pode quebrar se for puxado com muita força, o que faz com que o pênis tenha uma hemorragia profunda, mas não cause danos sérios; b) é provavelmente a área mais sensível de todo o sexo masculino. Um fellatrice consciencioso terá, portanto, de insistir nisso, desde que fique suave, entretanto … pela razão a) mencionada acima.

Exposição ao sol tem efeito cumulativo na pele

Exposição ao sol tem efeito cumulativo na pele

A exposição solar sem proteção ao longo da vida pode causar câncer de pele. Isso acontece porque a radiação ultravioleta, que penetra na pele, tem efeito cumulativo. Os raios UV danificam o DNA de células e podem surgir lesões na pele. “Uma lesão que não existia, que sangra, não cicatriza, que cresceu, que tem mais de uma coloração pode ser sinal de câncer de pele e tem que ser avaliada por um dermatologista”, explica a dermatologista Caroline Assed, assessora da diretoria da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

O câncer de pele pode ser não melanoma e melanoma. O não melanoma é o tumor mais frequente no Brasil e o menos agressivo; com alto índice de cura. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), corresponde a 30% de todos os tumores malignos registrados no país. “Os carcinomas (câncer de pele não melanoma) se manifestam como nódulos ou feridas que não cicatrizam. A exposição solar crônica é a principal causa”, afirma o oncologista Rafael Aron Schmerling, integrante do Comitê Científico do Instituto Vencer o Câncer.

Já o melanoma é mais agressivo e tem possibilidade de metástase. No entanto, se for diagnosticado precocemente, o prognóstico é bom. “Pintas diferentes das demais, com bordas irregulares, que mudam de tamanho e aspecto em semanas podem indicar a presença de melanoma”, acrescenta o oncologista Rafael Aron Schmerling.

Leia também: o que é Terçol

Segundo os dados do INCA, o melanoma representa apenas 3% dos casos de câncer de pele que são registrados no país. Além da exposição solar, há outros fatores de risco. “Queimaduras solares na infância são fatores de risco. Pessoas com pele e olhos claros e os ruivos têm mais chance de desenvolver a doença. A história familiar também pode influenciar”, afirma a dermatologista Caroline Assed.

É importante ficar atento às alterações na pele. A regra ABCD auxilia na identificação de lesões que podem ser malignas. Se a lesão for assimétrica, com bordas irregulares, a cor tiver dois tons ou mais e a dimensão for de mais de 6 milímetros, pode ser sinal de câncer de pele. Mas só um médico pode fazer a avaliação correta. Por isso, recomenda-se a consulta regular a um dermatologista. Medidas de prevenção também devem ser adotadas. Deve-se evitar a exposição solar entre 10h e 16h, usar protetor solar, chapéus e camisetas que protejam dos raios ultravioleta.

 

Vantagens da Babosa

Vantagens da Babosa

A babosa é uma planta utilizada para diversos fins medicinais há muitos anos. Muito utilizada para problemas relacionados com a pele (acne, psoríase, hanseníase, etc), encontram-se relatos do uso entre civilizações antigas como os egípcios, gregos e mesmo citações na Bíblia, deixando claro que era comum o uso desta planta na antiguidade.

A babosa (conhecida cientificamente como Aloe vera) fortalece o sistema imunológico e tem ação anti-inflamatória e antiviral (inclusive inibindo a multiplicação do vírus da AIDS). Algumas pesquisas isoladas mostraram que os oligossacarídeos presentes na babosa ajudam a combater as células malignas. Os princípios ativos se encontram no gel e não na casca.

Benefícios da Babosa
Estabiliza a glicemia sanguínea em diabéticos
Reduz processos inflamatórios no organismo
Faz o equilíbrio do colesterol e triglicérides
Trata úlceras, síndrome do intestino irritável, doenças de Chron e doenças celíacas
Contém alto teor de Acemannan, um fortalecedor imunológico natural
Aumenta a expectativa de vida e longevidade
Ajuda eliminar os desconfortos do refluxo
Acelera a cura de queimaduras físicas e radioativas
Melhora a saúde da gengiva
Reduz derrames e ataques cardíacos
Melhora o funcionamento intestinal
Possui enzimas que facilitam a digestão
Ajuda a dissolver pedras nos rins
Aumenta o desempenho cardiovascular e a resistência física.
Protege o corpo contra o stress oxidativo.

Leia também: Babosa para a pele

Composição da Babosa
Água
20 minerais
12 vitaminas
18 aminoácidos
200 componentes vegetais ativos (fitonutrientes), incluindo: enzimas, terpenos (um fitonutriente que reduz o açúcar no sangue), gliconutrientes e glicoproteinas.
Polissacarídeos, incluindo: Acemannan, Mannose-6-fosfato, Polimannans
Glicosídeos Fenólicos, como o Dihydrocoumarins
Cuidados na Ingestão
Você já deve ter ouvido falar que a babosa é tóxica, e que é imprópria para ingestão, não é? No Brasil, a ANVISA proíbe produtos alimentícios que contenham babosa. De fato, existem diversas espécies de babosa, e algumas delas realmente são tóxicas para ingestão. Porém, a espécie Aloe vera barbadensis é considerada segura e cheia de benefícios para nossa saúde.

Lembrando também que devemos sempre comsumir apenas o gel do interior das folhas, pois é na casca que elementos potencialmente tóxicos se encontram.

Como consumir a Babosa?

Observados os cuidados acima, o gel da Aloe vera, quando extraído adequadamente, praticamente não tem gosto e portanto soma-se bem a qualquer suco ou bebida que você prepare no liquidificador.

Para fazer uso desta planta, descasque-a com a ajuda de uma faca e jogue um pedaço do gel (mais ou menos uma colher de sopa) dentro do copo de liquidificador.

Você pode usar o gel da babosa em sucos, vitaminas e shakes. Cuidado com o excesso, pois pode provocar efeitos indesejáveis. Não existe uma quantidade ideal por dia. Comece com uma quantidade pequena e vá aumentando aos poucos se assim desejar.

Em termos de conservação, o ideal é conservar a folha em geladeira depois de colhida. O gel colhido pode ser congelado e guardado por até seis meses.

Suco de Babosa
Por ser uma planta com propriedades depurativas, a babosa é uma boa aliada para melhorar o metabolismo. Ao misturá-la com limão obteremos a propriedade depurativa junto às propriedades desintoxicantes. Esse suco também ajuda melhorar a imunidade e fornecer mais energia.

1 colher de sopa do gel da babosa aloe vera barbadensis
1 colher de sobremesa de mel ou melado
Suco de um limão
Bata os ingredientes e um copo de água no liquidificador. Tome preferencialmente em jejum.

Babosa para Pele e Cabelos

A indústria cosmética vê a babosa (Aloe vera) como base e fitocosmético para vários produtos de beleza, tais como: cremes faciais e capilares, limpadores de pele, loção fortalecedora do couro cabeludo, desodorantes, loção pós-barba, shampoos, cremes para acne e loção para caspa.

Na pele a Aloe vera previne a formação de rugas hidratando peles ressecadas e flácidas. Também é muito útil para o tratamento de cortes e feridas, acne, coceiras e manchas na pele. Um dos usos mais especiais deste produto natural é o cuidado com a pele, seja por queimaduras ou no tratamento de cicatrizes, em função de seu gel que acelera notoriamente o processo de cicatrização, melhorando a circulação do sangue em volta da ferida.

Graças ao fato da babosa ter propriedades anti-inflamatórias é um bom remédio contra a acne. Ajuda a controlar a oleosidade que se acumula na pele. Você pode usar um gel de babosa sobre as espinhas para diminuir o inchaço.

Nos cabelos a babosa ajuda a diminuir a coceira e irritação do couro cabeludo, fortalece, melhora a oleosidade e caspa.

DIETAS LOW-CARB: GUIA COMPLETO PARA INICIANTES (32 RECEITAS GRÁTIS!)

DIETAS LOW-CARB: GUIA COMPLETO PARA INICIANTES (32 RECEITAS GRÁTIS!)

CRITICADA POR “ESPECIALISTAS” NA MÍDIA, AS DIETAS LOW CARB GANHARAM RESPALDO DA CIÊNCIA. DESCUBRA COMO EMAGRECER COM ELA (RECOMENDAÇÃO NO FIM DO ARTIGO!)

Desde 2004, foram publicadas mais de 20 pesquisas que demonstraram a eficácia do corte de carboidratos na alimentação para emagrecer de vez (sem precisar contar calorias) e para a melhora geral da saúde.

As dietas de baixo carboidrato eram demonizadas e consideradas prejudiciais à saúde basicamente porque promoviam a um alto consumo de gordura, principalmente de gordura saturada.

No entanto, a ciência já provou que a gordura saturada é inofensiva. 1 2

E desde então, cada vez mais as pesquisas comprovam que as dietas low-carb (LC) emagrecem muito mais do que dietas low-fat (pouca gordura e mais ricas em carboidratos) e melhoram índices de glicose, colesterol, triglicérides e outros marcadores de saúde. 3 4

Apesar do alto consumo de gordura, as dietas LC (inclusive a dieta cetogênica, a dieta Atkins e a dieta da proteína) não aumentam o colesterol LDL (o colesterol “ruim”) de modo geral, embora isso possa acontecer com uma minoria. 5

POR QUE O LOW CARB FUNCIONA?

O principal motivo para as dietas LC serem tão eficientes no emagrecimento é porque:

Ao reduzir o consumo de carboidratos e ingerir mais proteína e gordura, as pessoas sentem maior saciedade e automaticamente acabam consumindo menos calorias, sem precisar pensar em se controlar.

Leia também: E-book 101 Receitas Low Carb reclame aqui

Se você quer emagrecer em semanas com alimentação low carb, recomendamos que você conheça este método inteligente (clique aqui)

Leia também: Phytophen funciona

BENEFÍCIOS DAS DIETAS LOW CARB
Há diversos benefícios para seu corpo e sua saúde ao seguir uma dieta low carb. Abaixo você verá os principais.

1 – DIETAS LC SACIAM MAIS

A fome é o maior inimigo de qualquer dieta e a principal causa de abandono delas.

Uma das grandes vantagens das dietas low-carb é a redução automática do apetite. 8

As pesquisas mostram constantemente que as pessoas acabam ingerindo menos calorias quando cortam os carboidratos e comem mais proteína e gordura.

Leia também: Kifina funciona

Na verdade, os pesquisadores comparando dietas low-carb e low-fat são forçados a restringir o consumo de calorias nos grupos de dieta de pouca gordura para poderem comparar os resultados. 9

Reprograme seu metabolismo para queimar gordura em “piloto automático” com dieta low carb: Código Emagrecer de Vez (clique aqui para conhecer)

2 – DIETAS LC EMAGRECEM MAIS

Cortar carboidratos da alimentação é uma das formas mais simples e eficazes de emagrecer.

Diversas pesquisas mostram que pessoas em dietas low-carb perdem mais peso e emagrecem mais rápido do que em dietas low-fat, até mesmo quando há restrição de calorias nas dietas low-fat.

Em pesquisas comparando os dois tipos de dieta, quem faz a LC chega a perder 2 a 3 vezes mais peso, sem passar fome. 5 6

Leia também: Farinha seca barriga funciona

3 – BAIXA O NÍVEL DE TRIGLICERÍDEOS DO SANGUE

Triglicerídeos são móléculas de gordura, e o nível deles no sangue é um forte indicador de risco de doenças cardíacas. 10

Pode parecer estranho, mas o principal causador dos altos níveis de triglicerídeos é o consumo de carboidratos, principalmente na forma de frutose. 11 12 13

Quando as pessoas cortam os carboidratos, os níveis de triglicerídeos tendem a cair drasticamente. 14 15

Já as dietas low-fat podem fazer o nível de triglicerídeos subir em vários casos. 16 17

4 – MELHORA OS NÍVEIS DO HDL (O COLESTEROL “BOM”)

Sabemos que quanto maior os níveis de HDL, menor o risco de doenças cardíacas. 18 19 20

Uma das melhores maneiras de aumentar o HDL é consumir gordura… E as dietas low carb incluem bastante gordura. 21 22 23

Assim não é surpresa descobrir que os níveis de HDL sobem bastante em dietas LC, enquanto tendem a se manter estáveis ou até mesmo a cair em dietas de baixa gordura. 24 25

A proporção de triglicerídeos: HDL é outro forte elemento que ajuda a avaliar o risco de doenças cardíacas. Quanto maior for essa proporção (ou seja, quanto mais triglicerídeos e menos HDL), maior é o risco de cardiopatias. 26 27 28

Ao reduzir os níveis de triglicerídeos e aumentar o de HDL, as dietas LC contribuem muito para melhorar essa proporção.

Reprograme seu metabolismo para queimar gordura com este método que combina low-carb com avançadas técnicas de alimentação (RECOMENDADO): clique aqui para conhecer o Código Emagrecer de Vez

5 – REDUZ OS NÍVEIS DE GLICOSE E INSULINA DO SANGUE

O corpo digere os carboidratos transformando-os em açúcar simples (principalmente glicose) no trato digestivo.

De lá, esse açúcar cai na corrente sanguínea e eleva os níveis de glicose.

Como níveis elevados de açúcar no sangue são tóxicos, o corpo reage com o hormônio insulina, que sinaliza para as células absorverem e armazenarem a glicose.

Para as pessoas saudáveis, a liberação da insulina resolve rapidamente o problema. No entanto, muita, muita gente sofre com esse sistema do corpo lidar com a glicose.

Essas pessoas têm a chamada “resistência à insulina”, o que significa que o corpo tem dificuldade de armazenar a glicose nas células, mesmo com a liberação de grandes quantidades de insulina. 29

A resistência à insulina pode levar à diabetes tipo 2, que ocorre quando o corpo não consegue produzir insulina o suficiente para retirar a glicose da corrente sanguínea após as refeições.

Trata-se de uma doença bastante comum, que afeta mais de 300 milhões de pessoas. 30

E a solução para o problema é bem simples. Ao cortar os carboidratos, você reduz ou elimina a necessidade de insulina. Assim, tanto os níveis de glicose como o de insulina caem bastante nas dietas LC. 31 32

De acordo com o dr. Eric Westman, que tratou muitos diabéticos usando uma abordagem de cardápio low-carb, ele conseguiu reduzir a dose de insulina de seus pacientes em 50% já no primeiro dia. 33

Em uma pesquisa com diabéticos de tipo 2, 95.2% conseguiram reduzir ou eliminar o uso de remédios dentro de 6 meses com as dietas low-carb. 34

Importante: se você atualmente está tomando remédios para reduzir o nível de glicose, é bom falar com seu médico antes de alterar seu consumo de carboidratos. A dosagem do remédio precisa ser ajustada corretamente para evitar hipoglicemia.

MUITOS OUTROS BENEFÍCIOS…

Além de todos esses benefícios acima, as dietas low carb são ótimas para reduzir a pressão alta. 34 35

Também são excepcionais para combater a síndrome metabólica, uma condição que está ligada ao risco de diabetes e doenças cardíacas. 36 37

Você gostaria de conhecer o MELHOR método de emagrecimento Low-Carb do mercado atual?

➤ Clique aqui e conheça o Código Emagrecer de Vez (RECOMENDADO!)

GRÁTIS: 32 RECEITAS LOW CARB + DUAS SOBREMESAS

Assista ao vídeo abaixo do expert em emagrecimento Rodrigo Polesso, e veja 32 ótimos exemplos de cardápio da dieta low-carb no dia a dia. Detalhe: inclui receita de 2 SOBREMESAS! ↓

➤ Clique aqui e conheça o método de emagrecimento LOW CARB do Rodrigo

COMECE SUA DIETA LC EM 3 PASSOS

PASSO #1 – DESCUBRA QUANTOS CARBOIDRATOS COMER POR DIA PARA EMAGRECER

Quanto carboidrato comer vai depender de várias coisas, como quanto peso você quer perder, se pratica ou não atividade física, se está ou não saudável etc.

As recomendações abaixo são apenas um guia para você se orientar. Veja em qual perfil você se encaixa melhor.

O ideal realmente é procurar um nutricionista para definir com precisão a quantidade de carboidratos que você precisa no dia a dia.

100-150 Gramas por Dia

Essa é uma faixa de consumo moderada e não chega a ser low carb. Mas ela é bem adequada para pessoas ativas e saudáveis, que estão tentando secar o corpo sem perder massa magra.

50-100 Gramas Por Dia

Esta faixa é ótima para perder peso sem fazer esforço, ao mesmo tempo em que você mantém um pouco de carboidratos na dieta.

Para quem engorda facilmente com carbos, essa faixa é perfeita para manter o peso também.

20-50 Gramas Por Dia

Essa faixa é a melhor para quem precisa emagrecer rápido, e está sofrendo com a obesidade ou diabetes.

Vale notar aqui que as dietas low-carb não são zero carboidratos.

Você tem muitas opções de legumes e vegetais que possuem bastante fibras, mas pouco açúcar. Muitas pessoas acabam comendo mais salada ao entrarem em dietas LC do que antes.

Experimente

O importante é você testar e descobrir qual é a faixa que melhor atende aos seus objetivos.

Se você tem algum problema de saúde, é importante conversar com seu médico antes de fazer qualquer mudança, porque as dietas LC podem reduzir drasticamente a necessidade de remédios.

Perca peso rapidamente com o Código Emagrecer de Vez (clique aqui), um método que mescla fundamentos low-carb com avançadas técnicas alimentares.

PASSO #2 – APRENDA O QUE VOCÊ PODE E NÃO PODE COMER

Não basta só pensar em cortar carboidratos, é importante saber o que evitar a qualquer custo. Há também uma categoria de talvez sim, talvez não, que vai depender muito do perfil que você definiu no passo anterior.

De novo, a lista abaixo é só um exemplo genérico. O ideal para cada caso é conversar com um nutricionista para a elaboração de um cardápio personalizado, com receitas de baixo carboidrato.

PODE COMER
• Carne: Vaca, porco, galinha e outros.

• Peixe: Todo tipo de peixe e frutos do mar são válidos.

• Ovos: Ovos caipiras são os melhores.

• Verduras e legumes: Espinafre, brócoli, cenoura, e todo tipo de verduras em geral.

• Nozes e sementes: Amêndoas, castanhas, nozes, semente de abóbora e girassol etc.

• Laticínios: Queijo, manteiga, creme de leite, iogurte.

• Gorduras e óleos: Óleo de coco, manteiga, banha, azeite de oliva e óleo de peixe.

PODE BEBER
• Café

• Chá

• Água

• Refrigerante com adoçante (em moderação)

• Caldo de Ossos (Brodo)

TALVEZ SIM, TALVEZ NÃO
Se você não precisa perder tanto peso, pode se dar ao luxo de incluir mais carbos na sua alimentação. Nesse caso, você pode consumir os da lista abaixo

• Tubérculos: Batata, batata-doce, beterraba, cenoura e outros

• Grãos sem glúten: Arroz, aveia, quinoa e outros

• Leguminosas: Lentilhas e feijões.

• Frutas: Atenção para a quantidade de açúcares das frutas. Há boas frutas low-carb sim, como morangos, abacates e outras. Basta pesquisar.

• Chocolate: Prefira os amargos, de 70% para mais.

• Vinho: Moderadamente e evite o vinho do Porto, que tem grande quantidade de açúcar.

DICA BOA: Low-carb On The Rocks – Para cortar os carbos sem cortar o álcool (clique aqui)

ELIMINE SEM DÓ (ALIMENTOS PROIBIDOS!)
• Açúcar refinado: Refrigerantes, suco de frutas, sorvete, doces e bolos e tudo o que leva açúcar refinado ou glucose de milho.

• Grãos com glúten: Trigo, centeio e cevada. Sim, isso inclui pães, massas e cerveja =(

• Gordura trans: Corte todo tipo de gordura hidrogenada ou parcialmente hidrogenada, como margarinas.

• Produtos “light” e artificalmente low-fat: Todo produto “light”, especialmente laticínios, costuma ser rico em carboidratos e recheado de tranqueiras.

• Alimentos industrializados e processados: Se a comida vem em uma caixa e foi feita dentro de uma fábrica, é melhor evitar.

Gostaria de receber uma lista completa dos alimentos permitidos e proibidos na dieta Low carb? Inscreva-se no Código Emagrecer de Vez (clique aqui) e receba uma tabela completa de alimentos low carb e um guia passo a passo de emagrecimento explicado em vídeos!

PASSO #3 – EVITE OS 3 ERROS MAIS COMUNS DE QUEM FAZ DIETA LOW-CARB

ERRO 1 – COMER CARBOIDRATOS DEMAIS
Não há uma definição exata do que é uma dieta low carb.

Alguns dizem que qualquer coisa abaixo de 150 gramas diárias de carboidratos já é low carb, e essa quantia de fato está bem abaixo do normal nas dieta ocidental, incluindo a brasileira.

Muitas pessoas vão obter ótimos resultados se ficarem nessa faixa, principalmente se os carboidratos vierem de alimentos não industrializados.

No entanto, recomendamos que todos interessados em dietas LC façam uma experiência para chegar à faixa de cetose (abaixo de 50g de carbos por dia.), nem que seja por um curto período de tempo.

ERRO 2 – COMER PROTEÍNA DEMAIS
A proteína é um macronutriente muito importante, e muitas pessoas a consomem em quantidade insuficiente.

A proteína aumenta a saciedade e ajuda a acelerar o metabolismo, comparada com outros macronutrientes. 38

De modo geral, consumir mais proteínas facilita a perda de peso e melhora a composição de massa magra.

No entanto, muita gente acaba consumindo proteína demais seguindo um cardápio low-carb.

E quando isso acontece, seu corpo tem mais proteína do que necessita e alguns dos aminoácidos da proteína se transformam em glicose, por meio de um processo chamado gliconeogênese.

De acordo com Volek e Phinney, pesquisadores especializados em dietas LC, uma alimentação low-carb bem planejada deveria ser baixa em carboidratos, alta em gordura e moderada em proteína.

Uma boa faixa de consumo de proteínas é 1,5-2 gramas por quilo de peso corporal. Mais que isso pode ser desnecessário.

ERRO 3 – MEDO DE CONSUMIR GORDURA
A maioria das pessoas está acostumada a consumir a maior parte de suas calorias diárias na forma de carboidratos, especialmente açúcares e grãos.

Quando elas passam para uma dieta LC e removem boa parte dos carboidratos, é preciso encontrar outra fonte de calorias.

Infelizmente, a maioria acha que se cortar carboidratos é bom, então cortar carboidratos e gordura é melhor ainda.

Esse é um grande erro.

Ao reduzir o consumo de carboidratos, é preciso substituí-lo por uma outra fonte de energia: a gordura.

Se não fizer isso, você vai acabar sentindo fome, ficando mal e vai acabar abandonando sua dieta.

Segundo a ciência, não há razão para ter medo de gordura, desde que você evite a gordura trans e reduza o consumo dos óleos vegetais (altos em ômega 6, bastante inflamatórios).

Ou seja: pode usar azeite e manteiga sem medo em suas refeições, comece a experimentar receitas com óleo de coco e não fuja dos cortes mais gordos de carne, ok?

UM POUCO DE PACIÊNCIA…

Agora que você já está empolgado para começar sua dieta low carb, vale deixar aqui um aviso:

Tenha um pouco de paciência!

A fonte de energia preferida do corpo são os carboidratos. Quando eles estão sempre disponíveis, o corpo nunca vai preferir queimar gordura.

Quando você corta os carboidratos, no entanto, o corpo passa a obter energia de outra fonte, a gordura. Seja ela a que está armazenada ou que vem da alimentação.

Pode levar alguns dias até que seu corpo esteja adaptado para queimar gordura em vez de carbos. Nesse período, é possível que você se sinta meio estranho, um pouco diferente do normal.

Isso é comum e acontece com muita gente, especialmente quando estão tentando uma dieta low carb pela primeira vez.

Por isso é importante ter paciência e se manter firme na dieta, principalmente no começo, quando o metabolismo do seu corpo ainda está se ajustando à mudança.

NOSSA RECOMENDAÇÃO:

REPROGRAME SEU METABOLISMO PARA QUEIMAR GORDURA COM ALIMENTAÇÃO LOW CARB

Você deseja testar um estilo de vida low-carb sem estresse e com flexibilidade?

Então você precisa conhecer o Código Emagrecer de Vez, que combina os princípios de corte de carboidratos com jejum intermitente e dieta paleo, permitindo resultados impressionantes de emagrecimento em pouquíssimo tempo.

Jejum intermitente: entenda como funciona a prática de ficar horas sem comer

Jejum intermitente: entenda como funciona a prática de ficar horas sem comer

PRIMEIROS PASSOS Comece aos poucos O nutricionista João Gabriel Marques sugere que, no início, você aposte em uma dieta que vá de 12 a 16 horas por dia – sempre contando a noite de sono nessas horas: – Dependendo a rotina alimentar que a pessoa tinha antes, o jejum é uma alteração básica bem grande e com um impacto forte, então é bom se permitir um tempo de adaptação. Beba água É preciso hidratar o organismo, então fique de olho na quantidade de água e beba, no mínimo, dois litros do líquido. Outras bebidas sem calorias, como café, chás e chimarrão estão liberadas. Os refrigerantes zero entram nessa seleção por não terem calorias, mas Marques lembra que o adoçante pode levar à secreção de insulina, o que poderia prejudicar o estado metabólico do jejum. Check up Os especialistas afirmam que pessoas saudáveis podem fazer o jejum intermitente sem restrições, então é sempre bom saber se você se encaixa mesmo nesse grupo. Zilli recomenda que pessoas com diabetes ou doenças renais evitem longos períodos sem comer. Organização A prática faz sentido se aliada a uma alimentação saudável, ainda mais se seu objetivo for o emagrecimento. Por isso, organize-se, siga um plano alimentar que vá de acordo com suas metas. Quebrar o jejum com um fast food pode não valer a pena, né? :: Segredos da dieta de Anitta: dicas de alimentação dadas pelo médico da cantora:: Refeição relax: saiba quais alimentos ajudam a diminuir o estresse :: Confira receitas com alimentos termogênicos para gastar calorias comendo

Leia também: protocolo Jejum Intermitente

Camila Maccari, especial

Se você já fez dieta e escutou à exaustão que o ideal é comer de três em três horas, pode ficar com um pé atrás ao ouvir falar do jejum intermitente, prática em que a pessoa não se alimenta por períodos de tempo maiores – e que pode ser aliada na perda de peso. A técnica vem ganhando popularidade entre quem quer emagrecer e é a aposta de atrizes como Deborah Secco, que começou a dieta ainda no sexto mês de gestação, quando já tinha ganhado 19 quilos, e seguiu apostando nela para recuperar a forma depois do parto.

Leia também: Farinha seca barriga reclame aqui

– Jejuar é um ato que auxilia a repensar e reeducar os hábitos alimentares. Para muitos, é mais fácil começar o processo de evolução desses hábitos escolhendo quando comer do que comer. Ainda assim, qualquer passo em direção à saúde é bem-vindo – afirma Edio Schaurich, médico e criador do Spa Tour Life, em Montenegro, que prega o jejum curto há mais de 20 anos.

O jejum é programado, isto é, o tempo em que você fica sem comer é pré-estabelecido, com rotinas que podem ser, por exemplo, de 16 horas de jejum intercalados com uma janela alimentar de oito horas. Nesse cenário, você almoçaria ao meio-dia e faria as outras refeições até as 20h – comer de novo, só no almoço do dia seguinte. Há várias formas de fazer jejum, que pode ser praticado todos os dias, ou dia sim, dia não, ou ainda uma vez por semana. Pode durar 12, 16, 24 horas. Parece difícil de aguentar a fome, não é? Mas isso depende da sua dieta. Schaurich explica que, se você já segue uma alimentação com pouco carboidrato e rica em gordura natural, a abstinência é mais fácil. Caso contrário, o começo pode ser mais complicado. Mas, à medida que você avança, o organismo se habitua.

Leia também: Kifina reclame aqui

Veja Mais

:: 10 dicas para ter uma alimentação saudável na correria do dia a dia

::Por que comer de 3 em 3 horas pode não ser a melhor opção para você

Vale ficar atenta: essa não é uma medida radical na perda de peso. É preciso comer direito durante a janela alimentar, principalmente se a prática fizer parte da sua rotina. Alguém que se abstenha 20 horas por dia, por exemplo, pode consumir, nas quatro horas restantes, o total de calorias que dividiria em várias refeições. O nutricionista João Gabriel Marques explica que, quando estamos em jejum – o que acontece a partir de três horas sem comer –, nosso corpo gasta mais gordura. Por isso, a prática seria mais efetivo para o emagrecimento do que apenas o controle alimentar.

Leia também: Phytophen reclame aqui

– O corpo funciona utilizando substratos energéticos que dependem da alimentação. Se comemos carboidratos, o utilizamos como fonte de energia. O mesmo acontece quando ingerimos gordura. Quando fazemos exercícios físicos intensos, o corpo precisa de mais carboidrato. Mas sempre que estamos em estado de baixa necessidade energética, que é a maior parte do tempo, estamos usando uma quantidade considerável de gordura – afirma.

Se você está considerando inserir o jejum na sua rotina como aliado na perda de peso, é importante buscar acompanhamentos para não cometer o erro de fazer cortes drásticos demais.

Remédios caseiros para emagrecer: Saiba quais são os mais eficientes!

Remédios caseiros para emagrecer: Saiba quais são os mais eficientes!

Existem muitos produtos nas farmácias e sites especializados que prometem eliminar aqueles quilinhos extras que tanto te incomodam, reduzir medidas e acabar com a gordura localizada, mas além de alguns deles oferecerem riscos à saúde, muitos não foram testados e aprovados pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), o que não garante a eficácia do produto.

A natureza nos oferece vários ingredientes para fazer remédios caseiros para tratar ou evitar doenças, e também pode nos ajudar de forma natural e muito mais barata a emagrecer, e no artigo de hoje vamos falar dos alimentos que podem servir de aliados na dieta e dar receitas simples e rápidas de remédios caseiros para emagrecer.

Leia também: Kifina é bom

Remédios caseiros para emagrecer
Alguns produtos naturais podem ser introduzidos na alimentação diária para substituir alimentos mais calóricos e garantir uma dieta nutritiva e saborosa para que você consiga emagrecer sem passar fome e sem prejudicar a saúde. São eles:

Amaranto: Conhecido como “a nova linhaça”, o amaranto pode ser consumido em forma de farinha, flocos ou grãos como complemento nutricional de vitaminas, sucos, sopas e frutas. Como é é rico em fibras, ajuda a proporcionar uma sensação de saciedade e no funcionamento intestinal.
Azeite: Por ser uma gordura boa, o azeite ajuda a emagrecer porque causa uma sensação de saciedade e reduz a vontade de comer doces. Para quem quer emagrecer, o ideal é ingerir até 3 colheres de sopa de azeite por dia.
Semente de girassol: Com casca, sem casca (chamada pepita, e bem mais fácil de digerir), crua ou torrada (com ou sem sal), a semente de girassol é rica em fibras, que retêm a gordura dos alimentos ainda no estômago e impede que ela seja absorvida pelo organismo.
Vinagre: O ácido acético é o principal elemento da composição do Vinagre, o que ajuda a reduzir o apetite e a inibir a atividade dos carboidratos no organismo, fazendo com que eles não sejam assimilados. Além disso, o ácido acético ajuda a acelerar o metabolismo e a evitar picos de insulina no sangue, estabilizando o açúcar e diminuindo a gordura. O vinagre de maçã é ainda melhor para quem quer emagrecer, pois tem pectina, que é uma fibra solúvel que absorve a água e preenche os espaços do estômago, causando uma sensação de saciedade.

Chás para emagrecer
A maneira mais comum de usar os produtos naturais para emagrecer é em forma de chá. Vamos citar os mais eficientes:

Chá de folha da amora
A folhas da amora são diuréticas, ajudam a regular o intestino e a desinchar. Para fazer o chá você vai precisar de 1 colher de chá de folhas secas de amora com 1 colher de chá de folhas secas de chá verde e 1 xícara de água. Ferva a água e depois junte as folhas, deixando em infusão por cerca de 10 minutos.

Leia também: Remédio caseiro para emagrecer funciona

Tome uma xícara do chá antes das principais refeições.

Chá de amaranto
Já falamos dos benefícios do amaranto, então agora anote a receita do chá:

Deixe os grãos de molho por cerca de 24h e depois cozinhe misturando um pouco de cravo, canela e açúcar mascavo. Deixe descansar por mais 24h, escorra a água e leve o amaranto ao fogo novamente com 1 litro de água até o caldo engrossar (cerca de 30 minutos). Coe e tome gelado.

Leia também: Phytophen é bom

Chá de sene
Coloque ½ colher (de sopa) de folhas secas de sene (que você pode comprar em lojas de produtos naturais) em 250 ml de água fervente e deixe descansar (infusão) por 15 minutos. Coe e beba em seguida.

Como o sene é um laxante natural e atua diretamente no estômago e no intestino, o ideal é limitar o consumo a 2 ou 3 xícaras por dia.

Água de berinjela
Além de ajudar a perder peso, a água de berinjela faz muito bem para a saúde, pois é rica em nutrientes, antioxidantes, minerais, fibras e vitaminas. Para 1 litro, use uma berinjela grande.

Corte a berinjela em rodelas (com a casca) e junte a água. Esprema dois limões e deixe descansar durante a noite toda.

Tome um copo em jejum, e um copo antes das refeições, para inibir o apetite e ajudar a digerir e eliminar a gordura, facilitando a digestão.

Suco verde para emagrecer
O suco verde é um ótimo remédio caseiro para emagrecer, porque é rico em fibras e prolonga a sensação de saciedade, e além de ser muito nutritivo, elimina as toxinas do organismo e é fácil de fazer:

Ingredientes:

Couve (ou outra folha escura, como o espinafre)
Maçã (ou outra fruta como laranja ou abacaxi)
Pepino, que tem fibras e causa um efeito diurético
Gengibre, que acelera o metabolismo e melhora a digestão
Água (ou água de coco)
Bata tudo no liquidificador e beba em seguida, sem adoçar e sem coar.

Leia também: Farinha seca barriga é bom

10 melhores chás para emagrecer

10 melhores chás para emagrecer

Os chás podem ser ótimos aliados para quem quer perder peso. Além disso, oferecem diversos benefícios à saude, proporcionando um bom funcionamento do organismo. Tudo vai depender dos ingredientes utilizados no preparo e da forma como eles são feitos. Para ajudar na escolha, listamos os 10 melhores chás para emagrecer. Confira na galeria:

Leia também:

Dossiê dos chás indica qual emagrece, relaxa ou cura enfermidades

Dieta líquida: conheça os prós e contras

Sucoterapia associada a dieta saudável pode eliminar até 1 kg por semanaChá de 30 ervas: Promete secar até 10 kg em um mês. A mistura dos 30 ingredientes já é encontrada pronta em lojas de produtos naturais, basta adicionar 3 colheres de sopa em 1 litro de água fervente. Essa é quantidade recomendada para o consumo diário, dividido em pequenas porções.

Chá de abacaxi: Ajuda na digestão e diminui a retenção de líquidos. O chá deve ser feito com a casca do abacaxi, fervida em 1 litro de água. Podem ser acrescentados também outros ingredientes que potencializam o resultado, como hortelã e canela em pau.

Chá amarelo: Rico em antioxidantes, combate os radicais livres e tem propriedades termogênicas, acelerando a queima de gordura. Além disso, proporciona disposição e bem-estar, e ainda protege a pele e previne o aparecimento de rugas e acne.

Leia também: Kifina Anvisa
Chá de amora: Feito com 3 a 5 folhas de amora em 1 litro de água fervente, esse chá pode ser consumido ao longo do dia e elimina até 1,5 kg em uma semana. Como as folhas têm fibras e leveduras, elas facilitam a digestão e melhoram o funcionamento do intestino.

Chá de cavalinha: Diurético, auxilia no emagrecimento e diminui o inchaço do corpo. A mistura ideal leva 250 ml de chá de cavalinha, 1 rodela de abacaxi e folhas de hortelã, tudo batido no liquidificador. Esses ingredientes são estimulantes da digestão.

Chá de dente-de-leão: Ajuda a desintoxicar o organismo, eliminando as gordurinhas. Deve ser preparado com a erva seca, por três minutos em infusão na água quente e não fervida. O ideal é tomar até 5 xícaras por dia. Para tirar o sabor amargo da erva, acrescente canela, gengibre, limão, hortelã ou abacaxi.

Leia também: comprar Kombucha

Chá de gengibre: Se consumido antes de dormir, pode ajudar a emagrecer durante o sono, já que o gengibre é termogênico e acelera o metabolismo, estimulando a queima de gordura. Uma das formas de preparar é esquentar 1 xícara de água com 4 rodelas de gengibre ralado e desligar antes de levantar fervura.

Leia também: Phytophen reclame aqui

Chá de hibisco: Feito com a planta seca, tem ação diurética, digestiva, laxante, antioxidante, termogênica e acelera o metabolismo. O preparo deve ser com 1 litro de água fervida para 2 colheres de sopa de hibisco quente.

Leia também: Kifina Anvisa

Chá preto: Possui poucas calorias e acelera o metabolismo. Além disso, ajuda a eliminar os líquidos retidos no organismo e a desinchar. O melhor horário para consumi-lo é depois das refeições. Mas deve ser evitado à noite, pois é rico em cafeína e pode causar insônia.

Chá verde: Tem alta concentração de antioxidantes, carotenoides, flavonoides e minerais, por isso ajuda a desintoxicar o organismo. Pode ser preparado com gengibre, basta ferver 1 litro de água e depois colocar 2 colheres de sopa de chá verde, um pouco de gengibre descascado e 1 pau de canela.

Emagrecer Saudável e Rápido: Emagrecer 8kg em 30 Dias

Emagrecer Saudável e Rápido: Emagrecer 8 kg em 30 Dias

É POSSÍVEL EMAGRECER COM SAÚDE?
Emagrecer rápido é um plano completo para perder peso e inteligente com alimentos, receitas e ainda um programa com ciclos e pausas para que você conseguir emagrecer, manter e ter mais saúde.
# Logo Abaixo você Tira Suas Dúvidas tais como:
– Dieta pode comer pipoca?
– Dieta pode comer cuscuz?
– Dieta pode comer batata doce?
– Dieta pode comer feijão?
– Dieta pode comer gelatina?
→ PARE Agora e Escolha!
Qual Alternativa Você Precisa?
→ Abaixo Você Encontra as Informações Simples e Fáceis de Colocar em Prática O Momento é Esse Escolha uma

Leia também: Kifina é bom

Blogueira EMAGRECE 43 KG em 6 Meses com método de emagrecimento a Prova de Falhas

Cardápio Passo a Passo SECA até 10 KG em 14 Dias, Testado e Aprovado por mais de 10.197 Pessoas
Você, provavelmente, já conversou com alguém qual é a melhor dieta para emagrecer, já pesquisou na internet e vasculhou milhares de sites para descobrir o tão cobiçado segredo para emagrecer.

Confira abaixo algumas dicas para emagrecer saudavelmente:
Você não, necessariamente, precisa comer somente os alimentos, de vez em quando pode comer alguns doces, pizzas, massas, entre outros.

Mas sempre que for possível, substitui ingredientes pouco saudáveis por mais saudáveis em uma dieta para perder peso.

Também sempre se pergunte “O que quero para mim?”, desse jeito você consegue manter um equilíbrio maior nas suas escolhas.

E sempre pratique exercícios.

Leia também: Phytophen é bom

Sempre seja organizada e planejada, se você sempre comer fora, as escolhas saudáveis vão ser poucas, então sempre organize suas refeições. Sempre lembre se de suas metas e objetivos.

E tenha perseverança, pois a mudança nunca acontece de um dia para noite, sempre insista e nunca desista.

→ CARDÁPIO COMPLETO FINAL DO ARTIGO

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ »
→ Sintomas de Gravidez
→ Hemorroida
→ Pilula do Dia Seguinte
→ Ibuprofeno
→ Chá de Hibisco
→ Dieta do Ovo
→ Dieta Dukan

Quer ver depoimentos e dicas para Emagrecer
Deixe seu comentário no vídeo abaixo!

Trabalhamos com amor e dentro do possível seu comentário será respondido!

Este conteúdo não substitui uma consulta medica!

#dietablogbr

(VÍDEO) Como Emagrecer Rápido Perca 8 kg em Uma Semana sem Passar Fome

As melhores formas de lidar com a fome em uma dieta:
Não se desespere quando sentir fome durante a dieta, se comer tudo o que ver pela frente seu esforço para emagrecer e ter uma vida saudável vai por água abaixo.

Você não deveria sentir fome no início de uma dieta para perder barriga bem elaborada e mantenha sua dieta flexível, pois um regime alimentar rígido pode levar a compulsão alimentar.

É normal sentir fome, pois a perda de gordura aumenta a fome.

Confira abaixo algumas dicas para manter a fome sob controle:
01) Consumir uma colher de whey protein antes das refeições – esse suplemente pode suprimir o apetite.

02) Criar refeições com bastante proteínas, mas não com muitas calorias, faça uma salada com peito de frango ou um parfait de proteína, caso estiver com vontade de comer doce.

03) Coma metade de sua comida, faça um intervalo de 20 minutos, e depois coma o resto.

04) Pratique meditação, caso a dieta para emagrecer rápido esteja proporcionando compulsão alimentar, ela ajudará a lutar contra a vontade de sair da dieta e fome.

>> CARDÁPIO PARA EMAGRECIMENTO SAUDÁVEL
Café da Manhã

Opção 1: 1 copo de leite de soja batido com 1 fruta (mamão, maçã ou goiaba), 2 fatias de pão integral,1 colher de sopa de requeijão light
Opção 2: 1 xícara de cereal em flocos sem açúcar integral,1 iogurte natural com adoçante, 1 goiaba
Opção 3: 1 ovo mexido, 1 torrada de pão de forma integral, 1 copo de polpa de morango batida com leite desnatado
Opção 4: 1 banana fatiada , 1 iogurte natural, 1 colher de sopa de mel, 1 colher de sopa de granola

Lanche da Manhã

Opção 1: 1 fatia de melão
Opção 2: 4 damascos secos
Opção 3: 1 copo de água de coco
Opção 4: 1 picolé de fruta

Almoço

Opção 1: 1 pires de salada de folhas com tomate-cereja, milho, trigo em grão e azeite, omelete de 3 claras e 1 gema com legumes e peito de peru, 2 colheres de arroz integral
Opção 2: 1 pires de alface, cenoura, cogumelos, 1 filé de peixe assado com tomate, cebola e pimentões, 2 colheres de batata sauté
Opção 3: 1 pires de salada de alface, manga, palmito, tomate seco e mostarda, 1 bifinho acebolado, 2 colheres de sopa de arroz, 1 colher de feijão preto, 2 colheres de sopa de couve refogada
Opção 4: 1 pires de salada de soja com legumes (chuchu, cenoura, abobrinha, vagem), 1 filé de peito de frango ao forno coberto com molho de tomate e manjericão, 2 colheres de purê de mandioquinha

Café da Tarde

Opção 1: 1 banana-prata, 1 iogurte
Opção 2: 1 fatia de pão integral com patê de atum e maionese, 1 copo de limonada com adoçante
Opção 3: 1 copo de iogurte,2 colheres de sopa de granola
Opção 4: 1 copo de leite desnatado com morango e banana

Jantar

Opção 1: 1 pires de folhas verdes mistas, cenoura, beterraba e molho de iogurte ,1 sobrecoxa de frango assada com ervas finas ,2 colheres de abobrinha grelhada
Opção 2: 1 pires de salada de alface-roxa, palmito em pedaços e um fio de azeite, 1 fatia de carne vermelha ou branca assada, 2 colheres de brócolis com um toque de requeijão light
Opção 3: 1 pires de alface-americana com lascas de maçã, cenoura e molho de mostarda, 2 colheres de atum em lata light refogado com cenoura, ervilha e milho, 2 unidades de torrada integral
Opção 4: 1 pires de pepino com tomatinhos, 2 xícaras de picadinho de cenoura, 2 colheres de purê de abóbora

Ceia

Opção 1: 1 fruta com casca
Opção 2: 1 xícara de chá de erva cidreira,1 fatia de abacaxi
Opção 3: 1 copo de suco light
Opção 4: 1 iogurte light

Uma Dieta Saudável e Equilibrada
Boa nutrição é comer bem é importante para sua saúde

Comer bem é importante para se manter saudável e prolongar a sua vida.

Leia também: Dietas de emergência

Nossa comida é como a essência de um carro, isso é o que nos dá energia para nossas atividades diárias.

Se você não consumir produtos diferentes necessárias para o bom funcionamento do seu corpo, como o seu carro, você tem que ir para a garagem.

Uma boa dieta é importante para o seu corpo ter o que precisa para funcionar bem. Por exemplo, uma deficiência de cálcio irá participar na diminuição da resistência do osso.

Uma dieta desequilibrada ou muito rigorosa você irá remover a maior parte da energia que você precisa para funcionar normalmente.

Se você consumir muita gordura e não se exercitar o suficiente, você vai ganhar um peso extra que com o tempo, pode ser difícil de eliminar.

O que é necessário é uma dieta equilibrada e saudável, a fim de obter os nutrientes de que precisamos, mas também para não engordar e ter que perder o peso extra.

Muitas vezes, pular uma refeição terá um bom efeito sobre a sua alimentação ou atuar como uma dieta.

O corpo acredita que sim a uma falta de disponibilidade de alimentos e faz mais reservas.

Você tem que ter três refeições principais, tente comer legumes, frutas, produtos lácteos por dia. Guloseimas tão pouco quanto possível entre as refeições para comer melhor para eles.

Não há problema em comer um pouco de alguma coisa durante a pausa para apoiá-lo até a próxima refeição, mas em quantidades razoáveis.

É normal se a sua dieta não é correta, você pode fertilizar, não tem energia, estar muitas vezes cansado, ter má digestão e outros sintomas.

Comida é a essência do seu corpo e se não for, pelo menos, aceitável, as consequências podem ser desagradáveis.

Muitas vezes, basta ajustar sua dieta para resolver muitos problemas de saúde.

Como definir sobrepeso e obesidade no sexo

Primeiro de tudo, é aconselhável definir o excesso de peso, porque tudo para sua própria definição. Aqui vou propor descrever quando os efeitos na saúde são sentidos e especialmente na sua ereção.

Quando falamos sobre excesso de peso ou obesidade, falamos de um certo nível de sobrepeso. Quanto maior, maior o risco para a saúde .

Neste artigo, eu não falaria sobre IMC (Índice de Massa Corporal ou Índice de Doutores Crassos ). Na verdade, não leva em conta a massa óssea ou a massa muscular. Eu tenho uma história muito engraçada sobre isso.

Um amigo, ao passar por um exame médico para um certificado esportivo em competição, entra na balança a pedido do médico. Eu não tenho os números em mente, mas, basicamente, o médico começa a calcular seu IMC e recebe algo como 28. Ele disse: “Senhor, você está acima do peso, perderia peso imperativamente” o mesmo amigo que nós tinha dito a anedota um pouco sobre os nervos … E para o registro, este amigo, era (e ainda é) um grande entusiasta de esportes, com uma dieta muito estrita. Até o momento ele estava na balança, o cara estava mostrando abs pads e um nível de gordura, provavelmente, menos de 10%.

Em suma, esta pequena história para dizer que devemos manter um olhar crítico sobre o IMC.

Para retornar à nossa definição de excesso de peso, o indicador confiável será sua gordura corporal . Você precisará apontar para uma taxa abaixo de 14% e, idealmente, abaixo de 12%.

Como medir sua gordura corporal

Existem muitas maneiras, mas nenhuma terá 100% de confiabilidade. Será necessário escolher UM modo de medição, assim você sempre terá o mesmo ponto de comparação e poderá medir precisamente seus resultados (apesar da não precisão da medição).

O alicate de pele:

Eu coloquei primeiro, mas seria a última escolha. O princípio é simplesmente medir a espessura de suas pequenas contas na cintura. E usando uma tabela de conversão ou uma fórmula adequada, você obtém um teor de gordura.

O método é muito preciso, mas desde que seja realizado perfeitamente e os critérios para o fazer sejam numerosos:

  • A escolha do grampo (existem muitos modelos)
  • A fórmula correta (sim, terá que passar por uma pequena etapa de cálculo)
  • A zona de medição
  • Leitura correta da braçadeira

Medidor de impedância de equilíbrio:

Não irei longe demais sobre o assunto, porque esse método é bem conhecido e esse tipo de equilíbrio é cada vez mais democratizado.

Atenção mesmo assim, alguns pontos a ter em conta:

  • Verifique a qualidade do seu material (essas balanças geralmente não são precisas, mas algumas são complementares ao lado da placa).
  • Pesava você sempre nas mesmas condições (mesmo dia, mesma hora e mesma condição, atenção, por exemplo, se você apenas come ou não, bebe muito ou não, pratica esportes, …). Seja linear …
  • Conheça o estimulante chamado Tauron.

Medição da cintura (ou uso de fórmula usando-o, como o método YMCA):

Note que a circunferência da cintura é um valor muito significativo, ele vai dar, por si só, um vislumbre do seu nível de gordura corporal.

Por exemplo, para uma pessoa se colocar no esporte (esporte de resistência, como musculação) e iniciar uma dieta simultaneamente, o peso não será muito significativo para medir a perda de gordura, porque você corre o risco de ganhar músculo durante o mesmo período.

Sua imagem no espelho:

Pode parecer um pouco “barulhento”, mas esse método é tão eficaz quanto simples. Desde que você tenha uma pequena perspectiva sobre sua própria imagem.

As imagens serão mais eficazes do que a fala longa, aqui estão alguns exemplos de porcentagem de gordura:

Ainda há muitos outros métodos que você achará fáceis de encontrar com uma pequena pesquisa no Google. No entanto, penso que as 4 opções propostas acima parecem-me bastante suficientes.

Para mim, o método que eu prefiro é o simples olhar no espelho, mas você precisa de factuais, uma pequena fita métrica deve fazer o truque.

Cremes Anticelulite

Cremes Anti celulite

Veja aqui os principais cremes anticelulite e os principais ingredientes usados em suas formulações.
Artigo publicado por Lilian Santana nas categorias: Tratamento

Os cosméticos são meios que usamos para manter e aperfeiçoar o nosso corpo quando algo está fora do lugar e nos incomoda. A ciência que trata deles é conhecida como Cosmetologia e estuda as formas de aplicação, ação e seus efeitos fisiológicos. Você pode encontrá-los em forma de emulsões (cremes e loções cremosas), géis (aquoso ou oleoso), líquidos (loções), pós (talco, maquiagem) e vetoriais (lipossomos e silanois).

Como Funciona?

Nós possuímos uma enzima chamada de Monofosfato Cíclico de Adenosina, que realiza a hidrólise ou “quebra” das células adiposas facilitando sua remoção. O aumento da circulação sanguínea aumenta o calor interno do corpo que faz com que a mitocôndria produza mais Monofosfato Cíclico de Adenosina. Tá achando complicado? Mas não é. É exatamente por esse motivo que os fabricantes investem em cremes que ativam a circulação, pois ela ajuda na queima de gordura localizada e podem até reduzir um pouquinho da aparência de sua celulite.

Os Melhores Cremes do Mercado?
O mercado possui algumas diferentes opções de cremes anticelulite, com todo tipo de preço e composição, uns funcionam um pouquinho melhor do que outros. Mas lembre-se: só o creme não irá resolver o seu problema, mesmo se a sua celulite for grau 1, será necessário mudar um pouco a alimentação, evitando gorduras e carboidratos e fazer exercícios direcionados pelo menos três vezes por semana. Aqui vão algumas dicas de cremes que podem ajudar um pouquinho nesse processo e também as promessas dos fabricantes:

Bye Bye Celulite da Nivea – promete resultados com apenas 3 semanas de uso;
Perfect Skin da L’Oreal – com pequenos rolos na ponta do frasco, que massageiam a pele enquanto você passa o produto, ativando a circulação, ele promete já a partir da 4ª semana de tratamento;
Body Cellu-Sculpt Redutor de Celulite e Medida da Avon – reduz a celulite e ainda consegue amenizar as medidas da área tratada;
Anticelulite Slimissime 360° da Lancôme – com uma fórmula que age em cada etapa da formação da celulite, esse produto, além de amenizar o aspecto de ondas, evita o surgimento de novos nódulos.

Princípios Ativos
Os princípios ativos são na verdade a base do tratamento que você vai utilizar, pois são eles que irão promover na sua pele os benefícios que você espera do tratamento. Aqui vão os nomes dos nossos salvadores:

Bétula, Hera e Centella Asiática: ativadores da circulação;
Cavalinha: ativador da circulação, adstringente e cicatrizante;
Cafeína: as xantinas, que estimulam o metabolismo;
Silanois: potente para atingir o tecido adiposo e reestruturação do tecido fibroso;
Eles também possuem alguns aditivos como perfumes que não são usados apenas pelo cheiro, mas por garantir o balanço químico do produto. Os corantes que devem ser hidrossolúveis e não devem alterar o composto da fórmula. Os mais usados são o carvão vegetal, urucum, henna e cúrcuma. E por fim os conservantes que podem ser antioxidantes, fungicidas e anti-sépticos.

Leia também: comprar Creme firmador

Sugestões e recomendações
Um dos cremes mais badalados na mídia e aceito pelas mulheres no combate à celulite e à flacidez é um creme à base de grão de café, que promete a função de quebrar as células de gordura e drenar as toxinas na sua aplicação. Esse creme é composto por café verde, toranja e noz de cola, e foi muito recomendado por especialistas e comentado nos principais blogs de beleza.

Ele deveria ser utilizado após a prática de exercícios e longe dos horários das refeições, para que o seu efeito fosse mais visível. Outras fórmulas recomendadas são as que levam centelha asiática e arnica (para melhora da circulação), ureia (que melhora a hidratação da pele de forma intensiva) e carnitina, que ajuda de forma efetiva no combate à flacidez.

Dentre as marcas mais utilizadas do mercado, temos destaque para algumas fórmulas como: Creme anticelulite Slimssime 360, da Lamcôme; Celslim 12h, da Anna Peggova; Bye Bye Celulite, da Nivea; e o Cellu Destock, da Vichy, um dos melhores e mais bem conceituados do mercado. O preço da maioria deles varia entre R$ 150,00 e R$ 300,00.

A Aplicação Importa
Todos esses cremes, e alguns outros, agem na celulite, mas não se você aplica-lo como um creme hidratante normal. Os cremes contra a celulite são parte de um combo creme e massagem. A automassagem ajuda a combater a celulite e a otimizar a absorção do creme, por isso, é muito importante que você se dê uns cinco a dez minutos depois do banho para aplicar os cremes e fazer a auto massagem.

Leia também: Skin renov Anvisa

A auto massagem correta segue a orientação da circulação. Isso quer dizer que nas coxas você deve deslizar as mãos, com pressão mediana, dos joelhos em direção à virilha ou glúteos, passando em todos os lados das coxas. Nos glúteos, siga a mesma orientação, da base até o cóccix e no abdômen, acima do umbigo faça movimentos circulares em sentido horário e do umbigo para baixo, deslize as mãos, com pressão, do umbigo ao púbis. Na cintura, vá na direção das costelas ao quadris, e nos braços, do cotovelo ao ombro ou axila.

Mas Afinal, Os Cremes AntiCelulite Vão Resolver meu Problema?
Por favor, muita atenção nessa hora, pois aqui é a parte mais importante desse artigo.

Infelizmente, os cremes e a própria massagem agem de maneira bastante superficial no corpo, e assim eles não conseguem atingir a causa real do problema da celulite.

Veja bem, a utilização dos cremes anti-celulite, pode apresentar uma pequena mudança mais superficial na aparência da pele, e assim um pouco dos furinhos ficará menos visível, mas esse será um efeito temporário.

A celulite, para ser tratada de forma definitiva, precisa ser atacada na raiz do problema. Os músculos que estão por baixo da pele, precisam ser trabalhados de maneira uniforme, com movimentos direcionados (sem uso de peso), e desse modo a camada superior da pele ficará mais lisa e regular.

Para você entender melhor, EU RECOMENDO assistir ao vídeo abaixo:

Muitas leitoras do meu blog me escreveram por email dizendo que estão tendo resultados impressionantes com os movimentos acima. Assista e depois venha me contar o que achou, tá bom?